São Paulo é Campeão da Supercopa do Brasil Sub-17
Foto: Lucas Figueiredo / CBF

Após empatarem em 1 a 1 no tempo normal, “MadeInCotia” vence os cariocas nos pênaltis por 4 a 2

Temporada maravilhosa para o sub-17 do São Paulo termina com o título da Supercopa do Brasil 2020/21 contra o Fluminense, em partida única, na Arena Pantanal, em Cuiabá. Os dois times empataram no tempo normal, com gol são-paulino de João Adriano, mas a glória foi definida nos pênaltis, 4 a 2 São Paulo. Há doze dias, as duas equipes também decidiram um título.

A disputa deste super campeonato se deu após o nosso sub-17 ter conquistado a Copa do Brasil da categoria, em cima do mesmo Fluminense, após duas partidas: 0 a 0 em casa e 2 a 1 no Rio de Janeiro, com direito a gol no último minuto, na base da virada. Os meninos de xerém conquistaram a vaga com a conquista do Campeonato Brasileiro sub-17. Hegemonia paulista em cima dos garotos da baixada fluminense.

O Tricolor Paulista não pôde contar para esta partida com o lateral-esquerdo Patryck, que sofreu uma lesão, desfalcando sua equipe, seu substituto foi Belém. O destaque da partida foi o goleiro Leandro, que fez ótimas defesas durante os 90 minutos e garantiu o título nas penalidades, defendendo a terceira cobrança e ainda contou com o nervosismo do quarto batedor do Rio de Janeiro, que chutou na trave.

O jogo

Início de partida, Fluminense dá o primeiro susto com Metinho pressiona na linha de ataque, o volante Negrucci sai jogando errado, e Kayky chuta da entrada da área para grande defesa de Leandro, destaque Tricolor na temporada. Mas logo em seguida, aos três minutos, o time do São Paulo encaixa linda jogada com Palmberg, que encontra o Caio na área, ele toca para o meio, e João Adriano chega antes da zaga para completar para a rede: 1 a 0 Tricolor da terra da garoa.

O time carioca não se abalou, e com jovem ponta Matheus Martins, pressiona e vai pra cima, mas sem sucesso. Aos 17 minutos, Marquinhos chuta cruzado, Caio se estica todo na segunda trave e empurra para a rede, mas bandeirinha marca o impedimento. Chance boa de ampliar o marcador. Mas depois de dois minutos, o time carioca empata, Matheus Martins cobra o escanteio na área, e Justen antecipa os marcadores adversários. 1 a 1 em Cuiabá.

Time de xerém, jogou bem melhor em toda segunda etapa, o time sub-17 do São Paulo, conseguiu fazer algumas jogadas, mas em vão, primeiro tempo ficou no 1 a 1. Destaque para o goleiro Leandro, que segurou o ímpeto Fluminense fazendo boas defesas.

Segunda etapa, o time Tricolor voltou mais ligado, certeza que o técnico Ramalho deu uma “chacoalhada” nos garotos no vestiário. O time paulista domina todo segundo tempo, mas não consegue transformar em gol. Time carioca, fazendo várias faltas, mas não conseguindo intimidar os “MadeInCotia”. Tempo normal empatado, pênaltis! Nos pênaltis, Marquinhos, Moreira, Luizinho e Belém converteram suas cobranças, enquanto Lucas Felipe e Caio Amaral perderam para o Flu.

Foto: Lucas Figueiredo / CBF