11 nomes e um desejo: consolidar o basquete Tricolor

O Basquete Tricolor já tem 11 nomes fechados para a próxima temporada que começa com o Paulista, provavelmente em 15 de setembro, e que continua com a disputa do NBB 20/21, a partir de novembro.

Quem continua

Do elenco que disputou o NBB 19/20, interrompido e cancelado após a pandemia do Coronavírus, apenas 6 nomes permanecem no elenco:

  • Georginho
  • Shamell
  • Jeferson
  • Renan
  • Igor
  • Danilo

Os jovens Igor e Danilo são os únicos remanescentes do primeiro elenco do Tricolor, que terminou como vice-campeão da Liga Ouro em 2019.

O craque Georginho permanece no Tricolor após ter sido o grande destaque do último NBB. Georginho venceu 5 prêmios individuais: MVP, prêmio de melhor jogador da temporada, além de ter sido eleito como Armador do Ano e Jogador Que Mais Evoluiu. Também levou para casa os prêmios estatísticos de Líder em Rebotes e Jogador Mais Eficiente.

O Tricolor seguirá sendo comandado pela lenda Claudio Mortari.

Não continuam no elenco: Holloway, Jones, Cassiano, Murilo, Kurtz, Mamedes e Léo Meindl, que teve um grande destaque durante o NBB e assinou com o Montakit Fuenlabrada da Espanha, conforme já havíamos antecipado aqui.

Reforços

Cinco novos jogadores já estão confirmados no elenco Tricolor, vamos a uma breve apresentação de cada um deles:

Bennett

Foto: LNB

O ala/armador de 32 anos chega ao Tricolor após ter disputado as últimas 5 edições do NBB pelo Pinheiros.

O americano nascido em Gary, Indiana, teve média de 14.8 pontos, 3.1 rebotes e 3.8 assistências na última edição do NBB, além de ter permanecido em média 31.6 minutos em quadra por jogo.

O atleta que já participou por quatro vezes do Jogo das Estrelas do NBB, tem um aproveitamento médio de 37.5% nas bolas de três pontos, e será uma arma valiosa para o ataque Tricolor!

Dawkins

Dawkins
Foto: LNB

Mais um americano vindo do Pinheiros, assim como Bennett. Dawkins tem 33 anos e joga na posição de armador, e tem uma longa carreira no NBB, já tendo passado por 4 clubes: Liga Sorocabana, Paulistano, Vitória e Pinheiros, onde esteve nas últimas duas temporadas.

Com médias de 10 pontos, 3.6 rebotes e 3.6 assistências na última temporada, Dawkins é mais um nome que vem a somar na ofensiva Tricolor. O americano também tem um bom aproveitamento nas bolas de três pontos: 36.2% de média na carreira, sendo que nas duas últimas temporadas esteve em alta: 40.2% em 18/19 e 39.7% na última temporada.

Gerson

Gerson
Foto: LNB

O pivô Gerson chega ao Tricolor após uma grande temporada pelo Rio Claro, onde obteve médias de 13.3 pontos, 6.3 rebotes, com uma eficiência de 16.2.

Natural do Rio de Janeiro, o Pivô de 29 anos entrará na sua 5ª temporada no NBB, já tendo atuado por outros dois clubes: Mogi (3 temporadas) e Rio Claro (NBB 19/20).

Gerson chega para suprir as saídas de Kurtz e Murilo e será fundamental junto ao Renan Lenz para apoiar o garrafão Tricolor.

Isaac

Isaac
Foto: Twitter @isaacrafael07

Mais um nome vindo do Pinheiros, que dispensou todos seus atletas após as paralisações por conta da pandemia do Coronavírus, Isaac joga como Ala e apesar de seus 29 anos, já rodou bastante pelo NBB, tendo jogado por 6 equipes diferentes (o Tricolor será o sétimo clube).

O ala é natural de São Paulo e traz as seguintes médias da última temporada: 8.1 pontos, 2.6 rebotes e uma eficiência de 8.6. Apesar de ter jogado pouco na última temporada (apenas 9 jogos), Isaac teve um bom aproveitamento de três pontos, com 44.4% de média.

Lucas Mariano

Lucas Mariano
Foto: LNB

O pivô de 26 anos chega do Botafogo para unir forças a Renan Lenz e Gerson no garrafão Tricolor.

Lucas Mariano teve excelentes médias no último NBB, como 15.6 pontos, 4.8 rebotes e uma eficiência de 14.3.

Natural de Franca, Lucas jogou 6 temporadas em sua terra natal, além de ter passado por outros 5 times. O pivô chegou recentemente a marca dos 301 jogos pelo NBB!

Ainda falta uma peça!

O elenco do Tricolor ainda não está fechado. O clube busca um ala para jogar na posição 3 (ou para os fãs de NBA, um SF).

Existia um boato também que o Tricolor contrataria o pivô Nenê, que atuou nos últimos 17 anos na NBA e que foi dispensado no começo do ano pelo Atlanta Hawks, mas esse boato não se concretizou.

Como ficou o elenco

Após a apresentação dos nomes, o elenco do Tricolor ficou da seguinte forma:

Armadores: Georginho, Dawkins
Alas/Armadores: Bennett
Alas: Shamell, Danilo, Igor, Isaac
Alas/Pivô: Jefferson,
Pivôs: Renan, Gerson, Lucas Mariano

Veja também

Confira a nossa live com o diretor do basquete Tricolor, Maurício Sanzi, no último mês de julho.

O Arquibancada Tricolor apoia o Basquete Tricolor e convida seus seguidores para conhecerem as redes sociais do SPFC Basquetebol:

Twitter
Instagram

Dados estatísticos: LNB

Foto de capa: São Paulo FC

Comente com sua conta do Facebook: