Análise da vitória

Por Tathiane Marques

Foi um jogo puxado, onde tivemos maior posse de bola e a melhora do time foi nítida. O Tricolor fez um jogo limpo, com poucas faltas e conseguindo a 4ª vitória no returno.

A expectativa dos torcedores foi correspondida!

Os jogadores mostraram vontade de jogar, correram para conseguir a vitória, chegando por várias vezes na área adversária.






Em uma cobrança de bola parada, em um escanteio, o gol saiu. Diego Souza deu um belo voleio e balançou as redes dos mineiros.

Nenê participou da maioria das jogadas do time, jogou bem, teve poucos erros e conseguiu jogar os 90 minutos depois de muito tempo.

Hudson também foi uma peça que surpreendeu o Cruzeiro, quase marcando um gol e auxiliando os companheiros nos contra-ataques.

Reinaldo lesionado saiu sentindo dores no joelho esquerdo, e foi substituído por Edimar. Jardine leu bem o jogo, e tirou Shaylon colocando Brenner, para quem sabe assim abrir espaço pelo meio de campo.

Matematicamente a Pré-Libertadores está garantida, mas o objetivo é conseguir a vaga direta, então nós torcedores temos que ligar o nosso secador em potência máxima em cima do Grêmio daqui por diante!

E os cerca de 14 mil torcedores que estavam no Morumbi, tiveram o prazer de assistir o início da volta por cima do nosso amado Tricolor.

Ahhh não posso esquecer do principal, o tabu diante do Cruzeiro foi mantido!

Foto: Rummens

*A opinião do colunista não reflete a opinião do site

Comente com sua conta do Facebook:
Você já conhece a Loja do Arquibancada? Modelos exclusivos para você mostrar o seu amor pelo Tricolor!

Confira outras notícias no Arquibancada Tricolor