#ColunaAT – Em busca de um novo padrão de jogo!

A coluna Resenha SPFC é escrita pelo Renan Aquino e será publicada semanalmente, contendo muita análise sobre o Tricolor! Confira aqui o índice da Coluna.

Nação são-paulina! Vamos com tudo, nesta data meus sinceros agradecimentos as mulheres são-paulinas que embelezam e enchem de orgulho nossa nação, feliz dia internacional da mulher à vocês!

Com 2 semanas de trabalho, o técnico Mancini – creio eu com influência direta do próximo comandante, Cuca – mudou técnico e taticamente o time do São Paulo Futebol Clube para esta temporada.

Com uma defesa sólida e um meio campo povoado no maior tempo de jogo, o São Paulo começa a dar demonstrações de um esquema novo no 3-4-3 ou sob algumas análises no 3-6-1. 

Fato é que a torcida tricolor tem ótimas lembranças da formação com 3 zagueiros; minha escolha é por acertar sempre a formação com o que se tem melhor do grupo de jogadores e não àquele técnico que impõe seu esquema de jogo, independente ao elenco que possui. 

Arboleda (jogador mais regular do São Paulo em 2019), Anderson Martins e Bruno Alves formam um trio que dão a segurança necessária e merecida que Volpi precisa; é importante que os alas cumpram sua função ofensiva e passem a ir até o fundo do campo como por característica sabem fazer e que os meias saibam dividir muito bem as responsabilidades de marcação, ocupação de espaço e armação das jogadas. 

Muita coisa ainda deverá mudar; as saídas e a mudança do perfil do elenco seguirão essa semana e acredito num time cada vez mais parecido com o que o Cuca tem como ideal até a data que ele assume. 






O momento é duro ainda e segue difícil de enxergar coisas positivas, mas como bom são-paulino de fé começo a ver com bons olhos esse delay no Cuca assumir; mais do que conhecedor do futebol hoje os técnicos precisam ser conhecedores de pessoas (jogadores) e, assim sendo, ter o time próximo do que ele considera ideal – sobretudo a perfil humano – é um alento a um segundo semestre de um time leve e com vontade de ganhar, o que há muito não passou de momentos isolados.

O clube da fé está em construção novamente! 


Renan Aquino, são-paulino desde 1991 por culpa de Telê, Raí e do meu pai (que me deixou escolher a melhor opção). Empresário na área de qualidade de vida e saúde, pai de duas meninas e lateral-esquerdo nas horas vagas.

*A opinião do colunista não reflete a opinião do site

Foto: Rummens

Comente com sua conta do Facebook:
Você já conhece a Loja do Arquibancada? Modelos exclusivos para você mostrar o seu amor pelo Tricolor!