Crítica Semanal – Propostas para ressuscitar o verdadeiro São Paulo Futebol Clube

A coluna Crítica Semanal é publicada semanalmente e traz a opinião do Anderson Dias, sobre tudo que acontece dentro do Tricolor!

– Divulgação de balanço trimestral claro, acessível e sem maquiagens contábeis, conforme já sugerido há tempos pelo portal Finanças Tricolor.

– Planejamento claro para equalizar as dívidas, principalmente as bancárias e transparência também sobre as negociações de jogadores, com empresários, empresas, grupos e porcentagens envolvidos em cada negociação publicados no site oficial.

– Implantação do projeto para separar o futebol do social, já em andamento no clube (parado e sem notícias).

– Possibilidade de saída (recall) do presidente e diretores antes do fim do mandato de acordo com os resultados não apenas em campo, mas da gestão do clube, uma vez que todos são remunerados.

– O destino do São Paulo não pode ser decidido por uma reunião de condomínio. Em 2016 deveria ter sido criado um grupo de estudos para que os cerca de 6 mil associados pudessem votar no presidente do São Paulo (projeto também parado e sem notícias). Iria mais além, com a inclusão de sócios-torcedores, claro, com algumas restrições. Ex: Sócios-torcedores a no mínimo 5 anos no programa, adimplentes e com pelo menos 30% de presença nos jogos em casa.

– Não consumir mais de 70% da arrecadação bruta anual com futebol, sob pena de perda de mandato do presidente, seu vice e de toda diretoria. Ou seja, em caso de descumprimento dessa regra, haveria novas eleições.

– Fim dos privilégios para TODOS, seja em gratuidade de ingressos, veículos particulares, BMWs ou utilização de recursos do clube para pessoas e grupos externos. Os balanços trimestrais e o anual com mais transparência também são úteis nesse sentido. Os recursos do clube devem ser respeitados e utilizados para engrandecer cada vez mais o clube, não pessoas ou associações externas.

– Modernização do Estádio do Morumbi (implantação de cobertura das arquibancadas, estacionamento, reforma dos banheiros, sistema multimídia, comunicação visual e venda de ingressos), com parceria privada, sempre com transparência junto ao Conselho e ao torcedor em geral, utilizando as mídias oficiais do clube e a imprensa.






– Opção clara por um estilo de jogo que englobe das categorias de base ao profissional, que deverá basear as escolhas de diretores, treinadores, atletas e demais funcionários que vierem a trabalhar no futebol do São Paulo.


Anderson Dias.

*A opinião do colunista não reflete a opinião do site

Comente com sua conta do Facebook:
Você já conhece a Loja do Arquibancada? Modelos exclusivos para você mostrar o seu amor pelo Tricolor!