São Paulo goleia o São Caetano
Rubens Chiri / saopaulofc.net

No último sábado, o São Paulo voltou a realizar uma partida após a paralisação de quase um mês por conta da fase emergencial no estado. A partida contra o Novorizontino, no dia 13 de março, foi a última da equipe de Crespo antes da pausa. O jogo foi marcado por polêmicas de arbitragem e o resultado final foi de 2 a 1 para o time de Novo Horizonte. Com a volta do Paulistão, o Tricolor atropelou o São Caetano no Morumbi. O placar de 5 a 1 poderia ser ainda mais elástico, mas com o resultado definido ainda no primeiro tempo, os jogadores desaceleraram na segunda etapa. Agora, qual torcedor tricolor não está minimamente esperançoso com o time? Entre os que estão, será que já pararam para pensar sobre o que aconteceu no ano passado?

Em 2020, o Tricolor foi ao mercado de maneira pontual e trocou Everton por Luciano. O time, de maneira surpreendente, chegou na liderança do Brasileirão e abriu sete pontos de vantagem sobre o segundo colocado, mas acabou perdendo o título na reta final. Um dos aspectos determinantes para o revés na temporada passada foi a falta de opções no banco de reservas. Para 2021, a diretoria adotou uma postura diferente. O São Paulo foi ao mercado e contratou seis jogadores, todos experientes e com rodagem.

O torcedor que está iludido, então, está com a razão? Não necessariamente, afinal de contas o São Caetano é o último colocado na classificação geral do Paulistão, com apenas um ponto conquistado. Mesmo assim, uma coisa é certa: o torcedor tem muitos motivos para esperar uma temporada melhor que a do ano passado.

Em relação às contratações, Miranda chega para reforçar a vaga, Orejuela veio para a vaga de Juanfran, Benítez e William vieram para fortalecer o meio e no ataque as novas opções são Bruno Rodrigues e Eder. As opções são mais variadas, embora ainda exista possibilidade de que algum atleta seja vendido, como Igor Gomes.

Crespo tem mais alternativas quando comparado ao time que era treinado por Fernando Diniz e já mostra qual será a intensidade do Tricolor ao longo do ano. O São Caetano é um adversário muito frágil? Com certeza, mas o time mesmo assim foi capaz de construir, até com facilidade, a goleada. Quantas vezes o São Paulo de Diniz enfrentou um time muito inferior tecnicamente e não conseguiu, sequer, vencer?

Hernán Crespo
Rubens Chiri / saopaulofc.net

O torcedor está certo em esperar um ano melhor que 2020? Pelo que foi apresentado até aqui pelo time, em relação à facilidade para vencer jogos, para armar jogadas, para pressionar adversários, é possível dizer que sim. Isso significa que é para projetar um ano de títulos? Não necessariamente. Torcedores, calma. O momento é de ficar feliz com o desempenho, sem colocar uma pressão desnecessária em um trabalho que está em seu início. Aproveite o momento atual.


*As opiniões expressas aqui são de responsabilidade do autor do texto, e não refletem a opinião do site

Post anteriorTchê Tchê estreia e Lucas Kal volta a atuar | Emprestados
Próximo PostOnde assistir São Paulo x RB Bragantino
Me chamo Pedro Henrique Oliveira, tenho 21 anos e sou estudante de jornalismo. Tenho passagem pelo BandNews TV, sou apaixonado por futebol e colaborador do Borussia Dortmund Brasil, o portal dos torcedores aurinegros no país. Já atuei no programa Arquibancada Mack, comentando sobre futebol nacional e internacional e espero poder compartilhar muitas opiniões minhas acerca do São Paulo Futebol Clube.