O São Paulo foi derrotado pelo RB Bragantino no Brasileirão
Foto: Rubens Chiri / São Paulo FC

Espaço do Torcedor é a coluna quase que diária do Arquibancada Tricolor, que dá voz a todos os torcedores da arquibancada. Quer ver seu texto publicado aqui? Mande uma mensagem para nós!

Algumas considerações sobre o jogo do São Paulo em Bragança:

  1. Se o São Paulo não estivesse na luta pelo título, e se figurasse apenas no meio da tabela, ontem o Diniz teria sido demitido depois da derrota…
  2. O São Paulo virou um adversário manjado. Não tem outra forma de jogar. Diniz precisa encontrar novas saídas, novas surpresas (como foi, por exemplo, colocar o Tchê Tchê no ataque contra o Atlético-MG).
  3. Luan é muito mais importante do que o Diniz imagina.
  4. É nítido o tratamento diferenciado que o Diniz dá para o Dani Alves se comparado aos demais jogadores.
  5. Diniz não tem estrutura emocional para liderar um grupo. Precisa urgentemente rever sua postura ao lado do campo. O piti com o Tchê Tchê é prova disso.
  6. Não dá para entrar contra o Red Bull Bragantino sem marcação forte no meio-campo. Diniz foi ingênuo demais!
  7. Perder faz parte do jogo. Ponto. Mas, jogar da forma como o São Paulo jogou ontem (desligado, frouxo na marcação, apático) só demostra que os jogadores e o Diniz não entenderam a importância da partida contra o Red Bull Bragantino (depois de uma eliminação na Copa do Brasil) para a conquista do Campeonato Brasileiro. Não era um jogo comum. Era uma final de Campeonato Brasileiro!
  8. O São Paulo é líder. Tem uma pequenina vantagem de pontos na tabela em relação aos principais concorrentes. Ótimo! Tem que saber usar isso a seu favor. Com um minuto de jogo, ontem, não precisava tocar a bola de forma displicente na frente da própria área. É dar sopa para o azar. O momento é de pensar no campeonato. Dá chutão! Rasga a bola! Tem 90 minutos para decidir a partida. Não pode dar mole logo de cara. É preciso atenção, calma e paciência desde o início de cada decisão. É preciso saber jogar com inteligência, esfriando a partida quando necessário e administrando quando o jogo pedir isso. O Daniel Alves que é o jogador mais experiente do grupo, e mais acostumado a decisões, parece ser o cara que menos entende isso!
  9. Pra ser campeão, faltando agora 10 rodadas, o São Paulo precisa GANHAR jogos. Não adianta ficar só secando adversário. Precisa jogar futebol.
  10. Casares tem que parar com essa pauta midiática de gestão (plano de 100 dias, abraço na tia da cozinha, encontro com governador…) e focar mais nas vitórias que precisamos no campo, junto com jogadores e comissão técnica. É momento de colocar pressão sempre no próximo jogo, senão o título de campeão escorrerá pelas mãos…
  11. Alguém precisa novamente intervir nesse vestiário (tipo: Muricy começar a cobrar esses jogadores), porque o Diniz dá toda pinta que está perdendo o grupo.
  12. Por fim, apesar dos pesares, o Rogério Ceni continua mais são-paulino do que nunca… 😁

Texto: Ale Tricolor
Foto: Rubens Chiri / São Paulo FC

*A opinião do colunista não reflete a opinião do site