Espaço do Torcedor – Qual o debuxo do Tricolor para 2019?

Espaço do Torcedor é a coluna quase que diária do Arquibancada Tricolor, que dá voz a todos os torcedores da arquibancada. Quer ver seu texto publicado aqui? Mande uma mensagem para nós!

Salve, torcida do mais importante clube Tricolor!

Após o embarque para Flórida Cup, o SPFC aparentemente define a base do elenco para a temporada 2019. Ressalva valiosa a ser feita, no tocante aos atletas que integram a seleção Sub-20, e que por certo terão oportunidades ao longo do ano.

Considero que desde o nosso primeiro susto de rebaixamento (em 2013), esse se apresenta como o mais sério projeto de reformulação institucional do clube, porque mais austero, ousado e mais brioso. Explico: o SPFC identificou necessidade de melhorar dentro e fora das quatro linhas, abandonou alguns de seus mais arcaicos dogmas, que transpiravam uma tremenda empáfia, empáfia essa que, se às mesas de bar ou roda de amigos é simpática…cômica…cabe; à direção de um clube campeão, não!

As chegadas de Raí, Lugano, e mais recentemente Carlinhos Neves e Vagner Mancini; as reformas no Morumbi; investimentos no departamento de análise de desempenho; projeto sistematização de uma metodologia de trabalho; sem esquecer de uma atuação agressiva no mercado de contratações, são, portanto, prenúncios de bons tempos.

Estamos (tomara) restaurando alguns pilares de gestão, tão elogiados nos clubes europeus protagonistas, e que sempre foram a marca de um São Paulo vanguardista e campeão, que fazia inveja aos seus rivais, por ser tido como o mais estruturado do país.

Vejo o Tricolor se organizando, ou buscando isso em 2019. Dar certo ou não depende de uma imensidão de fatores, mas ao menos revela uma nova postura, uma nova tentativa. O grande ponto de virada, é a aparente compreensão da diretoria de que o extracampo NÃO se ajeita ao natural como pensavam, “afinal somos grandes”, e que não há evolução que possa tornar obsoleta tamanha tradição tricolor. Falácia!






Dentro de campo, não acho que o Jardine seja o treinador ideal para o momento, porém, não vejo alguém em disponibilidade no mercado que certamente faça melhor; acho que precisamos de um lateral-direito; acho que o Luan vai ganhar a posição de Jucilei; acho que o Walce terá muitos minutos ao longo do ano na zaga; e que o maior desafio do nosso treinador para achar o time ideal, é a saída de jogo por dentro, a saber, um segundo volante com maior infiltração, e melhor passe para distribuir o jogo e desafogar os meias, isso seja contratando um ou encontrando no elenco. Mas sem caçar bruxas, nação! Ao menos não ainda! Vale o voto de confiança, temos problemas, mas vejo trabalho para tentar corrigi-los.

Entendo ser assaz prematuro avaliar o trabalho do Jardine por esses poucos jogos, menos ainda por dois amistosos, em apenas dez dias de pré-temporada, contra equipes que estão em meio de temporada, em mais avançado estágio de preparação. A maturação faz parte do nosso projeto, do nosso debuxo…

O debuxo do tricolor para 2019, portanto, senão outro é ser campeão!

Obs: conforme o dicionário Aurélio, o significado de debuxo pode ser Risco, esboço ou Projeto (de obra).

Rodrigo Vilela Freitas

São-paulino, Tricolor de coração, família e alma, há pelo menos 29 anos, e nas horas vagas advogado e não menos apaixonado.

*A opinião do colunista não reflete a opinião do site

Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net

Comente com sua conta do Facebook:
Você já conhece a Loja do Arquibancada? Modelos exclusivos para você mostrar o seu amor pelo Tricolor!