Está chegando a hora!

Dia 23 de julho de 2020, quinta-feira, às 20 horas, contra o Red Bull Bragantino. Fazia tempo em que nós torcedores não esperávamos tanto por um jogo do nosso Tricolor. Por mais que a situação em que estamos vivendo faça com que tenhamos outras preocupações, outras prioridades, nesse dia e nesse horário faremos de tudo para ver aquele manto em branco, vermelho e preto na nossa casa novamente, pouco mais de quatro meses após o nosso último jogo. 

O time será basicamente o mesmo que estava atuando antes da paralisação, a única, e importante mudança, será a entrada de Pablo no lugar de Antony. O centroavante que já atuou caindo mais pelos lados pelo Athletico-PR e pelo São Paulo, em alguns jogos em que Antony estava com a Seleção Olímpica, parece ter vencido a concorrência pela vaga. O ataque deve mudar um pouco sua característica, deverá perder velocidade, mas ganhará objetividade. Antony era mais veloz e habilidoso, mas um de seus defeitos é a tendência de sempre puxar pelo meio, poucas vezes dava profundidade ao time, até porquê o lateral-direito, Juanfran, não é de avançar muito, assim o time sofria com defesas muito fechadas. Pablo deverá revezar com Pato, ora ponta-direita, ora centro do ataque. Essa alternância de posicionamento (que pode ocorrer também com Vítor Bueno) bem treinada e entrosada poderá dar muito certo, pois poderá gerar uma certa confusão entre os defensores adversários, ainda mais contando com as subidas de Daniel Alves e Igor Gomes pelo meio. 

Fernando Diniz havia “encaixado” o time, mas o coronavírus veio jogar contra todo mundo. A expectativa é que o entrosamento e entendimento por parte do grupo seja assimilado o mais rápido possível, pois assim levaremos vantagem nesse quesito sobre nossos adversários. Lembremos que o São Paulo não realizou nenhuma contratação até o momento para a atual temporada, algo inédito. Se por um lado o clube não se reforçou, por outro, manteve praticamente o mesmo grupo do ano passado, já mais habituado e sintonizado com as ideias de futebol de Fernando Diniz, outro ponto de vantagem para nós, pois nossos rivais trocaram de treinadores e mexeram no elenco.

Na próxima quinta-feira, não teremos torcedores para lotar o nosso Morumbi, mas com toda certeza serão quase 20 milhões de são paulinos grudados na TV, rádio ou celular, para acompanhar o retorno do clube mais vitorioso do futebol brasileiro, o único tri mundial, o nosso Tricolor, até porquê: “Cada segundo é muito tempo sem você”.

Vamos São Paulo!


Tiago de Melo. Profissional de Educação Física e Pós-Graduado em Jornalismo Esportivo. Apaixonado por futebol e um privilegiado por ser são-paulino desde sempre. Personal trainer presencial e online e gerenciador do blog TEM JOGO! Siga no Instagram @t.demelo e @tem_jogo

*A opinião do colunista não reflete a opinião do site

Foto: Rummens

Comente com sua conta do Facebook: