Tiago Volpi
Foto: Rummens

Espaço do Torcedor é a coluna quase que diária do Arquibancada Tricolor, que dá voz a todos os torcedores da arquibancada. Quer ver seu texto publicado aqui? Mande uma mensagem para nós!

Em jogo atrasado da 18ª rodada do Campeonato Brasileiro, na última quarta-feira (9), o São Paulo recebeu o Botafogo, na sua casa, o Morumbi. Em um jogo amplamente dominado pelos comandados de Fernando Diniz, o tricolor venceu o jogo por um placar de 4×0, e podia ter feito até mais gols.

A euforia da torcida pelos últimos resultados e uma ampla vantagem na liderança, fez alguns torcedores não só do tricolor, mas de outros times, além de profissionais da imprensa criarem uma discussão; É o melhor time do São Paulo nos últimos anos? Aproveitamos para fazer uma comparação da equipe titular, com os últimos times do São Paulo de 2016 até 2019. Confiram!

Lembrando que para essa comparação usaremos os seguintes critérios:

1º – A comparação é entre o time TITULAR atual do São Paulo x Os jogadores que mais atuaram em cada posição nos anos 2016,17,18 e 19.

2º – Lembrando que é apenas uma análise do autor, com base nos números de cada jogador e desempenho no campo durantes os anos em destaque.

3º – O que é levado em conta, é como o jogador atuou naquele determinado ano, e não os anos anteriores ou seguintes.

Goleiro

Tiago Volpi
Foto: Rummens

CONCORRENTES: Dênis (2016), Renan Ribeiro (2017), Sidão (2018), Tiago Volpi (2019) e Tiago Volpi (2020/21).

VENCEDOR: TIAGO VOLPI (2020)! Talvez uma das comparações mais fáceis, já que por alguns anos o São Paulo encontrava problemas de baixo das traves, até a chegada de Volpi. Em 2019 até teve bons jogos, inclusive contra o Palmeiras na semifinal, entretanto, 2020 é o melhor ano do atleta no tricolor, salvando a equipe diversas vezes, principalmente por erros da defesa, o grande “carrasco” do treinador Fernando Diniz no comando são paulino.

Lateral-Direita

Éder Militão na mira de Guardiola?
Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net

CONCORRENTES: Bruno (2016), Bruno e Buffarini (2017), Eder Militão (2018), Igor Vinicius (2019) e Juanfran (2020/21).

VENCEDOR: MILITÃO! Peça fundamental naquele começo de campeonato brasileiro em 2018, o São Paulo chegou a ser campeão do primeiro turno, a saída do jogador para o Porto, acabou deixando um buraco na lateral-direita, aliás talvez o setor mais frágil dos são paulinos já alguns anos. Militão mesmo sem muitos jogos, ainda foi o melhor da posição comparado com os demais.

Zagueiros

Rodrigo Caio
Foto: Rummens

CONCORRENTES: Rodrigo Caio (2016), Rodrigo Caio (2017), Bruno Alves (2018), Bruno Alves (2019) e Bruno Alves (2020/21).

VENCEDOR: RODRIGO CAIO(2016)! Talvez o mais polêmico, até pelas magoas da torcida com o atleta, e também pela boa atuação de Bruno Alves em 2019, sendo a melhor defesa do campeonato. O zagueiro de cotia, acabou levando por ser o grande defensor da equipe em 2016, sendo convocado para seleção brasileira, e também para olímpica onde foi campeão, o jogador ainda ajudou a equipe a chegar à semifinal da libertadores, além de ser a quinta melhor defesa do campeonato. Quando o seu companheiro (Maicon) teve uma queda de rendimento no segundo semestre de 2016, Rodrigo foi quem puxou a responsabilidade para si, sendo por muitas vezes “dois” jogadores em campo.

Arboleda - São Paulo
Foto: Rummens

CONCORRENTES: Maicon (2016), Arboleda (2017), Arboleda (2018), Arboleda (2019) e Arboleda (2020/21).

VENCEDOR: ARBOLEDA (2020/21)! Quase unanimidade na defesa do tricolor nos últimos anos, o zagueiro vem atuando bem nos últimos jogos pelo tricolor e seleção, voltando a ser titular na equipe, e melhorando de forma significativa o ponto fraco da equipe, a defesa, além do seu grande impacto nas bolas aéreas da equipe, aguardemos para ver a atuação do atleta contra adversários mais fortes.

Lateral-Esquerda

Reinaldo
Foto: Rubens Chiri / São Paulo FC

CONCORRENTES: Mena (2016), Junior Tavares (2017), Reinaldo (2018), Reinaldo (2019), Reinaldo (2020/21).

VENCEDOR: REINALDO (2020)!, Outro jogador que já marca presença no setor a algum tempo, um dos lideres da equipe, e alguns até dizem que é o principal jogador da equipe, o que não é nenhum absurdo, é hoje o líder de assistências do São Paulo na temporada, além do lateral com mais gols no campeonato brasileiro, o jogador também é peça fundamental nas bolas paradas da equipe.

Volantes

Luan - São Paulo
Foto: Rummens

CONCORRENTES: Hudson (2016), Jucilei (2017), Jucilei (2018), Luan (2019)e Luan (2020/21).

VENCEDOR: LUAN (2020)! Talvez uma das piores birras por parte da torcida e imprensa com Fernando Diniz, era a insistência de Tchê Tchê como primeiro volante da equipe, deixando a dupla de zagueiros exposta, e sem marcação no meio-campo, algo que melhorou bastante com a entrada de Luan, até a saída de bola que alguns desconfiavam do jovem, o volante vem correspondendo bem até aqui. Pelo físico e desarmes, os torcedores até apelidaram de “Kanté do Morumbi” como forma de elogiar o atleta.

Daniel Alves - São Paulo
Foto: Rummens

CONCORRENTES: Thiago Mendes (2016), Petros (2017), Liziero (2018), Tchê Tchê (2019) e Daniel Alves (2020/21).

VENCEDOR: DANIEL ALVES! O baiano multicampeão, chegou como uma das maiores contratações da equipe no século, vestindo a camisa 10 e com um alto salário, por mais que vez ou outra receba algumas criticas, o jogador tecnicamente está bem acima dos concorrentes, e vem fazendo um ótimo campeonato brasileiro, além da liderança que possui no elenco. Daniel Alves atualmente é o vice-líder em assistências da temporada tricolor.

Meias

Ganso
Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net

CONCORRENTES: Paulo Henrique Ganso (2016), Cueva (2017), Nenê (2018), Hernanes (2019) e Igor Gomes (2020/21).

VENCEDOR: PH GANSO! O melhor ano do meia pelo tricolor, sem sombras de duvidas. Pode até ser discutível com o Nenê de 2018, que também fez um ótimo primeiro semestre. Se o critério não fosse de mais jogos, certamente o ídolo Hernanes venceria essa disputa pelo o que jogou no ano de 2017. O “maestro” como era apelidado, foi um dos principais jogadores da equipe que chegou a semifinal da Libertadores de 2016, e fez muita falta nos jogos contra o Atlético Nacional.

Gabriel Sara - São Paulo
Foto: Rubens Chiri / São Paulo FC

CONCORRENTES: Michel Bastos (2016), Luiz Araujo (2017), Marcos Guilherme (2018), Antony (2019) e Gabriel Sara (2020/21).

VENCEDOR: GABRIEL SARA! A comparação mais complicada, por os esquemas táticos, alguns times como o de 2016 e o atual, jogavam com dois meias, outros com dois pontas. O São Paulo perdeu o principal jogador da equipe em 2019, e sem dúvidas esse era o Antony, jogador muito talentoso, líder de assistências da equipe no brasileirão 2019, entretanto, o jogador teve muitos altos e baixos na equipe (algo comum pelo seu primeiro ano de profissional), Gabriel Sara também se mostrou irregular no começo, mas vem mantendo uma regularidade altíssima, jogando muito bem há um certo período, é também o líder em assistências da equipe no brasileirão, e pode crescer ainda mais, sendo atualmente peça fundamental na formação do treinador.

Atacantes

Luciano - São Paulo
Foto: Rummens

CONCORRENTES: Kelvin (2016), Wellington Nem (2017), Éverton (2018), Éverton (2019), e Luciano (2020/21).

VENCEDOR: LUCIANO! Sem grandes surpresas, por mais que jogadores como Kelvin e Éverton, tenham bons momentos em 2016 e 2018, o atacante Luciano está bem a frente dos seus concorrentes, com 12 gols no brasileirão e 17 na temporada (lembrando que ele chegou no meio do ano), é hoje um dos melhores jogadores do campeonato, e o melhor jogador do atual líder, além de formar uma grande dupla com Brenner.

Brenner é o artilheiro do São Paulo em 2020 com 20 gols marcados
Foto: Rubens Chiri / São Paulo FC

CONCORRENTES: Alan Kardec (2016), Lucas Pratto (2017), Diego Souza (2018), Pablo (2019) e Brenner (2020/21).

VENCEDOR: BRENNER! Novamente uma comparação tranquila, Brenner está bem acima dos outros concorrentes, são 20 gols na temporada, um jogador do clube não chegava à marca de 20 gols desde 2015. Além do faro de gol, velocidade, e gols decisivos, o jovem ainda tem uma grande vantagem: Não custou nada aos cofres da equipe, já que foi formado em cotia, enquanto os seus concorrentes tiveram um grande valor, e não corresponderam o que se esperava. Diego Souza foi o único que ainda conseguiu algumas boas atuações no seu ano.

Time do Colunista

Tiago Volpi, Eder Militão, Rodrigo Caio, Arboleda e Reinaldo; Luan, Daniel Alves, Gabriel Sara e PH Ganso; Luciano e Brenner.


Guilherme Lopes – Toca a Bola

Link original: Toca a Bola