Jorge Wagner e Hernanes comemoram a vitória em cima do Vitória em 2008
Foto: GE

No estádio do Morumbi, o São Paulo recebeu o Vitória pela trigésima primeira rodada do Campeonato Brasileiro de 2008. A partida tinha requinte de decisão, já que os três pontos valiam muito para a equipe paulista, que vinha em busca do título nacional.

O jogo

O time veio à campo com a mesma formação tática (3-5-2) e com apenas uma alteração no setor ofensivo em relação ao último jogo, quando empatou com o Palmeiras fora de casa. O atacante André Lima entrou no lugar de Borges (suspenso) para atuar ao lado de Dagoberto.

Tricolor no ataque e susto no início

No começo de jogo, a partida foi controlada pelos donos da casa, com a intenção de buscar o resultado. Pelo outro lado, os baianos, bem postados na defesa, atacavam pelos lados e exploravam a bola parada, jogada forte da equipe. O lance, culminou no primeiro gol do confronto.

Aos 14’, o time tricolor tomou um susto. Em cobrança de escanteio pela esquerda de ataque, Marquinhos cobrou e o zagueiro Leonardo Silva subiu sozinho, testando para as redes. O Leão abriu o placar. O tento era tudo que os visitantes almejavam!

Só que a bola parada, não é só uma jogada forte dos baianos. O estilo, é uma característica implementada por Muricy Ramalho em três anos de trabalho à frente do São Paulo.

Em falta cobrada aos 29 minutos, Hernanes bateu rasteiro e aproveitou que a barreira abriu; e a bola passou direto no canto direito de Viáfara para igualar. O empate dos donos da casa, caiu em boas graças, devido, a dificuldade que o Vitória aplicou no duelo com boa marcação.

Etapa complementar e Hugo vira

Na segunda etapa, a partida ficou bem aberta, o São Paulo foi para cima e o Vitória aproveitava os espaços no ataque e a velocidade dos seus jogadores de frente para surpreender mais uma vez. Porém, quem chegou ao gol, foram os paulistas e novamente em bola parada!

Aos 8’, Jorge Wagner cobrou a falta pela esquerda dentro da área, a defesa baiana saiu em linha e Hugo veio de trás e cabeceou. O camisa 18 em posição legal empurrou para as redes. Virada tricolor sob forte chuva na capital paulista.

Chegando nos minutos finais, o confronto ficou disputado. O Rubro-Negro baiano chegou com perigo pelo lado esquerdo. A dobradinha Marcelo Cordeiro e Marquinhos acrescentava qualidade à parte ofensiva aos visitantes, além disso, as bolas altas eram um perigo imenso para a defesa tricolor.

Já o São Paulo, chegava muito na técnica de Hernanes e na velocidade de Dagoberto. Os são-paulinos, tiveram ao menos duas oportunidades para ampliar o marcador. Com o próprio camisa 25, mas, o duelo decretou o placar de São Paulo por 2 a 1 diante do Vitória.

Resultado importante na classificação. O São Paulo soma 56 pontos (três pontos atrás do líder Grêmio) e fica provisoriamente na segunda colocação do torneio. Palmeiras e Cruzeiro jogam nesta rodada e podem ultrapassar o Tricolor na tabela. Mesmo assim, à equipe segue forte na luta pelo título.

Ficha técnica

Campeonato Brasileiro 2008

São Paulo 2 x 1 Vitória – 31º Rodada

São Paulo
Rogério Ceni; Rodrigo, André Dias e Miranda; Zé Luis, Jean, Hernanes, Hugo e Jorge Wagner; Dagoberto e André Lima (Richarlyson).
Técnico: Muricy Ramalho

Vitória
Viáfara, Marco Aurélio, Leonardo Silva, Anderson Martins e Marcelo Cordeiro; Vanderson, Wallace, Marco Antônio (Ramon) e Jackson (Willians); Marquinhos e Rodrigo (Robert).
Técnico: Vágner Mancini

Local: Estádio do Morumbi, São Paulo- SP
Data: 23/10/2008
Horário: 20h:30
Árbitro: Heber Roberto Lopes (SC)
Assistentes:José Carlos Dias Passos (PR) e Aparecido Donizetti Santana (PR)
Público: 17.111 pagantes
Renda: R$ 320.795,00
Cartões Amarelos: Jean (SPO), Richarlyson (SPO), Zé Luís (SPO) Marcelo Cordeiro (VIT) e Vanderson (VIT)
Gols: 1ª Tempo/ 15’ Leonardo Silva, 29′ – Hernanes (SPO) / 2ª Tempo: 8′ – Hugo (SPO)

Melhores Momentos

(Caso não consiga visualizar o vídeo, clique aqui)

Confira os jogos anteriores

1ª Rodada – São Paulo 0 x 1 Grêmio
2ª Rodada – Athletico 1 x 1 São Paulo
3ª Rodada – São Paulo 1 x 1 Coritiba
4ª Rodada – Santos 0 x 0 São Paulo
5ª Rodada – São Paulo 5 x 1 Atlético/MG
6ª Rodada – Flamengo 2 x 4 São Paulo
7ª Rodada – São Paulo 1 x 0 Sport
8ª Rodada – Cruzeiro 1 x 1 São Paulo
9ª Rodada – São Paulo 1 x 1 Ipatinga
10ª Rodada – Náutico 2 x 1 São Paulo
11ª Rodada – São Paulo 2 x 1 Palmeiras
12ª Rodada – Vitória 1 x 3 São Paulo
13ª Rodada – São Paulo 2 x 1 Botafogo
14ª Rodada – Internacional 2 x 0 São Paulo
15ª Rodada – São Paulo 3 x 1 Portuguesa
16ª Rodada – Figueirense 1 x 1 São Paulo
17ª Rodada – São Paulo 4 x 0 Vasco
18ª Rodada – Fluminense 3 x 1 São Paulo
19ª Rodada – São Paulo 2 x 1 Goiás
20ª Rodada – Grêmio 1 x 0 São Paulo
21ª Rodada – São Paulo 3 x 1 Athletico-PR
22ª Rodada – Coritiba 2 x 2 São Paulo
23ª Rodada – São Paulo 0 x 0 Santos
24ª Rodada – Atlético-MG 1 x 1 São Paulo
25ª Rodada – São Paulo 2 x 0 Flamengo
26ª Rodada – Sport 0 x 0 São Paulo
27ª Rodada – São Paulo 2 x 0 Cruzeiro
28ª Rodada – Ipatinga 1 x 3 São Paulo
29ª Rodada – São Paulo 1 x 0 Náuico
30ª Rodada – Palmeiras 2 x 2 São Paulo


Alan Ribeiro Gomes. Tenho 27 anos, formado em Jornalismo e atualmente faço graduação em Educação Física. A torcida pelo São Paulo Futebol Clube iniciou através de meu pai desde criança. A partida decisiva da final do Campeonato Paulista de 1998 foi um dos grandes marcos em minha vida. Ao longo dos anos, a paixão pelo tricolor só aumentou, independente de vitórias ou derrotas. Acompanhar o Clube da Fé é algo que faz parte da minha vida.

Foto: GloboEsporte.com