Foto: Rubens Chiri / www.saopaulofc.net

O meia Oscar está há um bom tempo no futebol chinês. Camisa 11 da Seleção Brasileira na fatídica Copa do Mundo de 2014, o meia, ex-Chelsea, acabou se transferindo para o Shanghai SIPG, onde permanece até o presente momento. Contudo, há especulações sobre sua ida ao Barcelona, que mira a sua contratação para substituir outro brasileiro – Coutinho.

Oscar foi revelado pelo São Paulo e era considerado uma das maiores joias formadas na base do clube. Contudo, uma controvérsia contratual o fez entrar na Justiça do Trabalho, que concedeu a ele um habeas corpus sui generis para poder atuar pelo Internacional de Porto Alegre. A situação revoltou os torcedores são-paulinos e gerou muita polêmica à época. Após ótima passagem pelo time gaúcho, onde conquistou a Copa Libertadores e a Recopa Sul-Americana, Oscar se transferiu para o Chelsea.

De acordo com apuração do jornalista Marcelo Bechler, Oscar seria o nome da vez na mira do clube catalão. Após quase meia década na China, o jogador estaria disposto a abrir mão de parte de seu milionário salário para atuar na Europa novamente. Aos 30 anos, Oscar teria ao seu lado a companhia de outro ex-São Paulo – o lateral Daniel Alves -, que, assim como ele, saiu do clube de uma forma nada amigável.

Como jogou no Tricolor até os 19 anos, Oscar ainda renderia dinheiro ao São Paulo em caso de uma negociação. O clube tem direito a aproximadamente 2,35% do valor de qualquer transação do atleta, em atenção ao mecanismo de solidariedade da FIFA. O meia fez parte do elenco campeão brasileiro pelo clube em 2008.

Tudo sobre o Tricolor!

Siga o Arquibancada Tricolor em suas redes sociais e acompanhe tudo sobre o São Paulo FC:

Instagram | YouTube | Twitter | Canal no Telegram | Conheça a nossa Loja

Post anteriorRicharlyson é contratado como comentarista da Globo
Próximo PostSão Paulo acerta a venda do goleiro Jean
Matheus Tévez é formado em Direito pela UFBA, cursa Letras, além de ser professor, escritor e articulista. Mas a sua grande virtude é ser são-paulino doente desde os tempos em que Válber doutrinava na zaga.