Calleri:
Foto: Rummens

O reencontro entre a torcida do São Paulo e o time não foi dos melhores. Apesar de aguerrido e de ter jogado bem, o empate contra o Santos deixa o Tricolor em situação perigosa no campeonato, uma vez que dois times que estão abaixo dele brigando para não cair de divisão estão com jogos a menos. Porém, para um jogador, a noite foi especial: Jonathan Calleri.

O camisa 30 do São Paulo voltou a ser titular pelo clube – o que não acontecia desde 2016, em sua primeira passagem. E, além de dar um ânimo diferente ao ataque do Tricolor, Calleri foi o autor do gol da noite e conseguiu marcar o seu primeiro tento em um clássico paulista.

Em 2016, foram 31 jogos, 11 vitórias e 16 gols. Foi ele quem mais marcou pela equipe no ano, mesmo jogando por apenas seis meses. E também foi o artilheiro do time na Copa Libertadores da América. Apesar dos números excelentes e da média excelente de 0,52 gol por jogo, o atacante ainda não havia marcado em clássicos. E esse tabu, contudo, acabou ontem.

Confira os clássicos que o argentino disputou até aqui:

  • 14/02/2016 – Corinthians 2 x 0 São Paulo – Campeonato Paulista – nenhum gol
  • 13/03/2016 – São Paulo 0 x 2 Palmeiras – Campeonato Paulista – nenhum gol
  • 27/03/2016 – Santos 1 x 1 São Paulo – Campeonato Paulista – nenhum gol
  • 26/06/2016 – Santos 3 x 0 São Paulo – Campeonato Brasileiro – nenhum gol
  • 07/10/2021 – São Paulo 1×1 Santos – Campeonato Brasileiro – gol de pênalti

Reveja o gol de Calleri e os principais lances de São Paulo 1×1 Santos abaixo ou clicando aqui:

Post anteriorCom gol de Bóia, confira o desempenho dos atletas emprestados
Próximo PostEm estreia na Seleção Brasileira principal, Antony marca e ajuda na vitória contra a Venezuela
Matheus Tévez é formado em Direito pela UFBA, cursa Letras, além de ser professor, escritor e articulista. Mas a sua grande virtude é ser são-paulino doente desde os tempos em que Válber doutrinava na zaga.