Auro comemorou a oportunidade de treinar com o experiente lateral Daniel Alves (Foto: Érico Leonan/SPFC)Auro comemorou a oportunidade de treinar com o experiente lateral Daniel Alves (Foto: Érico Leonan/SPFC)

Chamado pelo técnico Tite para integrar os treinos da Seleção Brasileira na preparação durante os dois jogos válidos pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, em outubro, o lateral direito Auro está ansioso para trabalhar ao lado de um ídolo da infância. Trata-se do experiente e companheiro de posição Daniel Alves, ex-Barcelona e atualmente na italiana Juventus.

No início de setembro, Auro já havia sido convocado por Tite para fazer parte dos treinos do Brasil durante os jogos contra Equador e Colômbia (vitórias por 3 a 0 e 2 a 1, respectivamente). No entanto, naquela ocasião, o São Paulo pediu a dispensa do jogador porque Julio Buffarini e Bruno eram desfalques certos para o clássico contra o Palmeiras, pelo Campeonato Brasileiro, no último dia 7.

Por isso, o jovem de 20 anos comemora uma nova chance no grupo selecionável. “Gostaria de agradecer a confiança da comissão técnica da Seleção Brasileira, porque é uma grande oportunidade trabalhar com jogadores renomados. São profissionais de alto nível, do futebol europeu e espero voltar ao São Paulo mais forte e preparado para buscar o meu espaço”, declarou o lateral ao site oficial do Tricolor.

Auro ajudará no período de treinos antes e no intervalo entre as partidas contra a Bolívia, em 6 de outubro, na Arena das Dunas, e diante da Venezuela, em Mérida, quatro dias depois. Pela Seleção das categorias de base, o atleta já defendeu o Brasil no Sul-Americano sub-17 e sub-20, além do Mundial sub-17 em 2013.

“Acredito que desta vez será diferente, porque terei a oportunidade de trabalhar com os melhores jogadores do mundo. Espero voltar com um aprendizado maior e mais experiente. Além disso, poderei trabalhar com o Daniel Alves, que é meu ídolo e referência. Sei que ele é um cara do bem, alegre e que me ajudará”, vibrou o ala, que explicou a idolatria ao veterano.

“Sou muito fã e me inspiro bastante nele. Será uma honra poder conviver com ele, trabalhar e aprender um pouco mais”, concluiu Auro, revelado pelas categorias de base do São Paulo, no Centro de Formação de Atletas Laudo Natel, em Cotia.

De acordo com a programação da CBF, a delegação brasileira se apresentará em 2 de outubro, em Natal, Rio Grande do Norte. Os jogadores que atuam na Europa desembarcam no dia seguinte. Tite comandará o primeiro treino na segunda-feira, na Arena das Dunas, às 18 horas.


Hudson não atribui má fase do time a problemas internos do Tricolor

“Temos muito para consertar”, diz Hudson sobre semana cheia do São Paulo

Vítima de bola parada, São Paulo fecha treino para corrigir problema


Let’s block ads! (Why?)