Cueva presta apoio a Maicon após falha: “Somos uma família”

Os jogadores do São Paulo não procuraram culpados pelo empate cedido nos acréscimos da partida contra o Mirassol neste sábado, no Morumbi. Empurrado por 43 mil torcedores, o Tricolor tinha a vantagem do 2 a 0, mas permitiu que o adversário reagisse a partir de uma falha de Maicon, aos 30 minutos do segundo tempo. Aos 47, Xuxa empatou em nova falha da defesa.

O meia Cueva foi um dos que prestaram apoio ao capitão são-paulino após a partida. “Nós não somos inimigos, somos uma família, somos amigos, e vamos estar sempre juntos. É neste momento que a gente vê quem são os homens”, bradou o peruano, tecendo elogios ao time do interior, que segue invicto no Campeonato Paulista.

“É uma grande equipe, o bom dela é que eles saem para jogar. Foram dois tempos distintos. No primeiro criamos muitas ocasiões, mas não conseguimos concretizar todas. No segundo eles começaram a gostar do jogo, que no meu entendimento estava controlado, mas são coisas que acontecem no futebol”, lamentou o camisa 10 tricolor, resignado.

Rodrigo Caio, por sua vez, descartou uma eventual mudança no estilo de sair jogando da equipe em função do erro do companheiro e minimizou as consequências do tropeço em casa.

“Somos treinados pra sair jogando. Erros vão acontecer. Vamos continuar da mesma forma, saindo jogando, que é o que o Rogério nos passa. Infelizmente demos uns vacilos no momento chave do jogo, mas isso não vai tirar nossa confiança. Fizemos um bom jogo, infelizmente acabamos permitindo o empate. É levantar a cabeça para as vitórias continuarem vindo”, avaliou o camisa 3.

Líder do Grupo B do Campeonato Paulista com sete pontos ganhos, o São Paulo volta a campo nesta terça-feira, às 20h30 (de Brasília), para enfrentar o São Bento, novamente no Morumbi.



Let’s block ads! (Why?)

Comente com sua conta do Facebook: