Daniel Alves sobre convocação para as Olímpiadas: “Eu sonhava com um momento assim”

Nessa quinta-feira (17), o técnico André Jardine convocou os 18 jogadores que irão representar o Brasil nas Olímpiadas de Tóquio a partir do mês que vem.

Entre os diversos jovens que vão vestir a amarelinha estará também Daniel Alves, chamado como um dos atletas acima de 23 anos que todas as equipes têm direito de levar. O camisa 10 do Tricolor, que é convocado pela seleção principal desde a temporada 2006/2007, terá a sua primeira chance de disputar os jogos olímpicos aos 38 anos de idade.

O jogador, que está se recuperando de uma lesão no joelho, falou com a SPFCTV sobre defender as cores do Brasil em Tóquio:

É uma satisfação imensa, uma alegria tremenda poder estar representando o meu país de uma forma diferente em uma ocasião tão especial como as Olímpiadas, eu sonhava com um momento assim. Bati na trave duas vezes e agora estou tendo a honra de ser chamado para fazer parte desse grupo que vai defender a medalha conquistada no Brasil. A responsabilidade é grande, mas é o que a gente gosta. Como bom patriota que sou, sempre vesti as cores do meu país e sempre vesti a camisa da seleção brasileira, elas significam muito para um jogador. O São Paulo foi um dos motivos pelos quais eu voltei ao Brasil, para convencer as pessoas que é possível chegar a seleção brasileira jogando por um clube do Brasil. É sonho atrás de sonho, isso fortalece o trabalho e minha ideia de vir ao Brasil fomentar isso. Nós temos que valorizar nosso poder de ação, temos que valorizar mais o país, os atletas e nosso povo, pois somos um povo especial. Poder vestir a camisa da seleção brasileira e do clube que eu sonhei, os sonhos ficam mais especiais. Agradeço ao São Paulo pela oportunidade de jogar aqui e realizar esse sonho e poder representar o clube porque, no final das contas, cada vez que eu sou convocado eu estou representando o São Paulo. Isso é o que eu sempre sonhei. Não tem como não ficar feliz“, falou o são-paulino.

A previsão é que Dani seja liberado pelo São Paulo no dia 8 de julho. Portanto, ele perderá, caso o Brasil chegue a final, seis jogos do Brasileirão, além das oitavas de final da Copa do Brasil e da Libertadores.

Confira a lista completa com os 18 convocados:

Goleiros: Santos (Athletico-PR) e Brenno (Grêmio);

Zagueiros: Nino (Fluminense), Gabriel Magalhães (Arsenal) e Diego Carlos (Sevilla). Laterais: Guilherme Arana (Atlético-MG), Gabriel Menino (Palmeiras) e Daniel Alves (São Paulo).

Meias: Bruno Guimarães (Lyon), Gerson (Olympique de Marselha), Claudinho (Red Bull Bragantino), Douglas Luiz (Aston Villa) e Matheus Henrique (Grêmio).

Atacantes: Antony (Ajax), Matheus Cunha (Hertha Berlim), Malcom (Zenit), Pedro (Flamengo) e Paulinho (Bayer Leverkusen).

Confira o vídeo de Daniel à SPFCTV:

https://www.youtube.com/watch?v=FO_4mHmimRs

Comentários estão fechados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você concorda com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Ler mais