De acordo com jornalista, Ferreirinha chegaria junto com Douglas Costa no São Paulo
Foto: Lucas Uebel / Grêmio

O São Paulo parece realmente estar querendo reforçar o clube com jogadores gremistas. Após as especulações de Alisson e Douglas Costa – além da contratação de Rafinha -, o nome de Ferreirinha surge como uma possibilidade no clube. A informação é do jornalista Chico Garcia, da Band.

De acordo com a apuração do jornalista, a chegada de Ferreirinha seria condicionada à de Douglas Costa – como uma espécie de “venda casada” feita pelo clube. Em sua live no Youtube, o jornalista respondeu diretamente sobre a chegada do ponta Ferreirinha, afirmando que a informação seria exclusiva.

Essa é uma informação que ainda não está confirmada, mas é exclusiva. Ferreirinha interessa. Existe uma conversa, que ainda não foi para frente porque depende do Douglas Costa. Quase uma venda casada. Eu diria para vocês que é o mesmo investidor. Então, se o Douglas Costa fechar com o São Paulo, a tendência é que o Ferreirinha vá junto. É a única coisa que eu posso dizer por enquanto“, analisou Chico.

O jornalista, então, procurou situar o tipo de informação com aquilo que denominou “barrigada” – separando uma coisa da outra. Isso porque, segundo ele, neste período de transferências muitos jornalistas optam por dar informações imprecisas em busca de popularidade.

Nesse período de mercado, o torcedor espera muito que a gente crave as notícias. Quando a notícia está confirmada, é uma delícia para o jornalista apontar que está fechado. Mas como as coisas mudam a todo instante, eu procuro ter o máximo de cuidado. De barrigada a gente está cheio. Respeito quem faz, mas realmente tenho uma dificuldade em fazer isso. Temos que esperar. Mas que existe a possibilidade, existe, sim“, concluiu o jornalista da Band.

Confira a informação completa no vídeo abaixo ou clicando aqui.

Post anteriorJornalista indica proposta do São Paulo por Alan Franco, do Atlanta United
Próximo PostContratação de Rafinha repercute na mídia internacional
Matheus Tévez é formado em Direito pela UFBA, cursa Letras, além de ser professor, escritor e articulista. Mas a sua grande virtude é ser são-paulino doente desde os tempos em que Válber doutrinava na zaga.