De Cotia a Portimão, apenas um passo

Apesar da saída mais “sonante” do São Paulo rumo a Portugal se ter traduzido em Morato em direção ao Benfica há poucas semanas, os torcedores do São Paulo teriam que dar sua preferência a outro clube luso: o Portimonense, clube da primeira divisão profissional do futebol português, continua contando com numerosos jogadores Brasileiros em seu elenco. São 17 ao todo. Mas outra pequena especificidade torna esse clube ainda mais especial para nós:  6 têm ligação ao São Paulo e 5 foram formados em Cotia! Um número importante, mas menor até que na temporada anterior.

Em 2017/2018, tudo recomeça para o Portimonense Sporting Clube na principal liga do futebol luso, visto que passaria seis anos no escalão secundário. Então nessa temporada de retorno com imensos Brasileiros, alguns com ligação paulista. O emblema da região do Algarve acabou esse ano na 10a colocação! Nada mau para o regresso. Mas é na época seguinte, que o número de Paulistas explode! Os Algarvios entraram na temporada 2018/2019 com 9 jogadores com formação no São Paulo! E novamente, não decepcionaram terminando na 11a colocação. Uma regularidade impressionante, para um clube que quer se fixar e encontrar seu lugar entre a elite portuguesa.






Agora, em 2019/2020, quatro antigos são-paulinos mudaram de rumo, nomeadamente o goleiro Léo Navacchio (Penafiel) e o zagueiro Vítor Tormena (SC Braga). Mas ainda passeiam pelas ruas de Portimão cinco jogadores que passaram por Cotia e que encontraram naquela região sol e praias paradisíacas – que pouco ficam a dever às pairas do estado de São Paulo – assim como uma estrutura sólida e um futebol de alto nível, sob o olhar atento dos maiores clubes do país e da Europa no geral. Os zagueiros Rodrigo dos Santos de Freitas, Lucas Possignolo e Igor Neves, assim como os meias Lucas Fernandes e Dener são os representantes da excelente escola de futebol paulista.

Mas, além dos jogadores que saíram de Cotia, também Junior Tavares passou pelo São Paulo, entre 2016 e 2018, antes de tentar sua sorte na Sampdoria, na Itália. Experiência mal sucedida que fez com que o lateral formado no Grêmio optasse por tentar sua sorte num país em que os jogadores Brasileiros se costumam sentir melhor e onde encontrou o bem conhecido Jackson Martinez! O atacante colombiano chegou ao Algarve em Agosto de 2018, proveniente de Guangzhou da China, para relançar a carreira depois de uma grave lesão. Com um ambiente fantástico e a vontade dos dirigentes em dar ao Portimonense um lugar de destaque no futebol português, o clube tem boas perspetivas de crescimento, visto cada vez mais como um clube que sabe lapidar jovens talentos.

O Japonês Nakajima por exemplo, foi vendido por 35 milhões a um clube do Catar, e depois deu o salto para o grande FC Porto. Vítor Tormena também se fixou num clube maior de Portugal, o SC Braga e há grande expectativa de que a próxima grande venda do emblema do sul de Portugal seja o atacante brasileiro Bruno Tabata. Essa forma de trabalhar, assume o presidente da SAD do Portimonense, Theodoro Fonseca, tem mesmo no São Paulo sua fonte de inspiração. O empresário brasileiro pegou o clube na terceira divisão e conseguiu que se consolidasse na Primeira Liga.

Neste início de temporada, porém, o clube passa por dificuldades em termos de resultados, e os sites de apostas europeus, como a Betano por exemplo, colocam o Portimonense entre os piores candidatos para conquistar o Campeonato. No entanto, se algum torcedor paulino também se tornar agora um simpatizante do clube algarvio, então poderá dar uma olhada aos detalhes do bônus Betano da Sportytrader, criar uma conta e tentar sua chance, jogo a jogo, para maiores cautelas. O time de Portimão tem equipe para render algum benefício e seguramente não vão decepcionar e se manter na Primeira Liga. Aliás, esse clube Alvinegro também partilha com o São Paulo o preto e o branco, e apesar de não  ser tricolor, merece todo nosso respeito.

Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net

Comente com sua conta do Facebook: