Mídia internacional destaca vitória do São Paulo
Foto: Mauro Horita

Pela 5ª rodada da Copa Sul-Americana, o São Paulo bateu em casa o Jorge Wilstermann por 3×0. Os gols da equipe no Morumbi foram marcados por Rodrigo Nestor, em duplicidade, e Patrick. Com o resultado, o Tricolor conseguiu a classificação para as oitavas de final da competição. E alguns jornais internacionais destacaram a vitória do clube, com o feito no torneio.

O jornal MedioTiempo, do México, ressaltou que o São Paulo foi o primeiro time a se classificar no continental, com uma rodada de antecipação. A atuação foi classificada como “contundente“, ao passo que o jornal alcunhou o clube como “el gigante“, e o Wilstermann, de “modesto“. Foi apontado que o Tricolor confirmou o seu favoritismo no grupo D, mas, no corpo do texto, errou-se por um tento o placar – assinalado como 4×0. Clique aqui e confira.

O FútbolPeruano.com indicou que o time de Ceni chegou para o confronto com duas baixas: Colorado e Sara. Enfatizou-se a superioridade do São Paulo na matéria, com o domínio do primeiro tempo por completo. E foi relatado que o terceiro gol da equipe surpreendeu o técnico Sérgio Migliaccio, dada a rapidez – no início da segunda etapa. Confira aqui.

O boliviano El Diario publicou que o time do Morumbi não teve piedade do Jorge Wilstermann. O jornal classificou a vitória como “indiscutível“, relatou a condição de superioridade do time paulista na partida, que, nas palavras do veículo, deixou claro quem era o dono do jogo. Veja clicando aqui.

O Opinión, também boliviano, afirmou que o Tricolor “matou” o Wilster no Morumbi. O jornal alcunhou o São Paulo de “poderoso”, registrou a péssima campanha do time local e também a crise do elenco, que chegou nesta semana a ir cobrar salários atrasados – o que faz com que a equipe tenha um futuro incerto. Confira aqui.

Tudo sobre o Tricolor!

Siga o Arquibancada Tricolor em suas redes sociais e acompanhe tudo sobre o São Paulo FC:

Instagram | YouTube | Twitter | Canal no Telegram | Conheça a nossa Loja

Post anteriorSão Paulo ganha bolada milionária por passar de fase na Copa Sul-Americana
Próximo PostSouza revela motivo de Tardelli ser cortado do Mundial de 2005 e lembra dia que ele chegou de helicóptero no CT
Matheus Tévez é formado em Direito pela UFBA, cursa Letras, além de ser professor, escritor e articulista. Mas a sua grande virtude é ser são-paulino doente desde os tempos em que Válber doutrinava na zaga.