Foto: Rubens Chiri / São Paulo FC

O empresário Wagner Riberiro, que representa o meia Igor Gomes, do São Paulo, rasgou elogios ao seu agenciado. Ele esteve no programa Central do Mercado, do Globo Esporte, e levou a público um fato interessante: segundo ele, Igor Gomes quase foi para o Real Madrid em maio de 2020.

O Igor gomes é um talento. Ele esteve quase no Real Madrid antes da pandemia. Eu estava já com viagem agendada para falar com o Florentino Pérez em maio de 2020. Aí veio a pandemia e o Florentino disse que não iria contratar ninguém – como não contratou. Veio a pandemia, todos pararam, o Igor parou e o interesse esfriou“, disse o empresário.

Wagner reconheceu que, na temporada de 2021, Igor teve altos e baixos no São Paulo. No entanto, mostrou-se confiante para a nova temporada e afirmou que o clube receberá muitas propostas pelo atleta ainda na segunda metade do ano.

Agora nesse último ano o Igor teve altos e baixos. Realmente, no final ele estava jogando bem. Mas houve momentos em que ele não jogava. Acredito que este ano será o melhor ano dele. O Rogério gosta muito dele, ele está muito animado. Com certeza na janela de julho o São Paulo terá muitas propostas“, finalizou Wagner.

Janela de 2021: a expectativa era de proposta, mas foi frustrada

Em abril do ano passado, Wagner havia dito algo bastante semelhante sobre a possível saída do atleta, afirmando que poderia chegar uma proposta de 25 milhões em julho. Contudo, a janela de transferências não foi das melhores para o Tricolor e nenhum jogador formado na casa foi contratado para o exterior no período.

Confira a entrevista completa clicando aqui.

Tudo sobre o Tricolor!

Siga o Arquibancada Tricolor em suas redes sociais e acompanhe tudo sobre o São Paulo FC:

Instagram | YouTube | Twitter | Canal no Telegram | Conheça a nossa Loja

Post anteriorSão Paulo tem sete atletas convocadas para a Seleção sub-17
Próximo PostJean é apresentado oficialmente no Cerro Porteño
Matheus Tévez é formado em Direito pela UFBA, cursa Letras, além de ser professor, escritor e articulista. Mas a sua grande virtude é ser são-paulino doente desde os tempos em que Válber doutrinava na zaga.