Foto: Rubens Chiri / São Paulo FC

Treinador falou com a imprensa após a vitória da equipe por 2×1 em São Januário

Nesta quarta-feira o São Paulo de Hernán Crespo confirmou a classificação para as quartas de final da Copa do Brasil. A equipe venceu o primeiro confronto no Morumbi por 2×0 e novamente bateu o Vasco por 2×1 para assegurar a vaga para a próxima fase.

Com gols de Rigoni e Benitez a equipe garantiu a vitória sobre o time de Lisca (que acabou expulso no final do confronto). O Tricolor aguarda o sorteio na próxima sexta-feira para conhecer o confronto da próxima rodada.

Entrevista coletiva de Hernán Crespo pós classificação na Copa do Brasil
Foto: Reprodução / SPFCTV

O treinador Hernán Crespo conversou com a imprensa no pós jogo e falou sobre diversos temas, como o jogo, as lesões e o acúmulo dos jogos.

Confira os temas abordados por Crespo

Sobre a escalação e o desempenho do time

Devemos analisar os dois jogos. Merecemos colocar a equipe nas quartas de final. Quero dedicar a classificação ao nosso presidente Julio Casares e ao diretor esportivo Rui Costa que estão infectados com a Covid-19. Quanto ao jogo, chegamos ao objetivo muito bem, jogamos um grande futebol no Morumbi. E aqui, o gol do Rigoni e a expulsão mudou o jogo e a classificação não correu riscos.

Sobre contratações para o setor ofensivo

Eu não falo de mercado publicamente. Falo internamente com os dirigentes. Estou muito feliz com a equipe que tenho. Sei das necessidades do time e das dificuldades do Tricolor, como falei há algumas entrevistas atrás. Não é simples ser competitivo em todas as competições. Estamos nas quartas de final da Copa do Brasil e da Libertadores. No Brasileirão estamos em uma posição que não merecemos e vamos lutar para sair dessa situação. A situação é quase perfeita, só não é perfeita por causa desse momento no Brasileirão.

Sobre o desempenho em jogos eliminátorios

Eu gosto de disputar todos os tipos de campeonato e quero ganhar sempre e ser competitivo. Chegar a agosto e ver que estamos disputando tudo é uma grande satisfação e tenho que parabenizar a todos (diretoria, jogadores, grupo técnico). Queremos ser uma equipe competitiva até o final e vamos trabalhar para ter um futuro positivo, mas é futebol e aqui a cada três dias tudo pode mudar. Como diz nosso presidente, é preciso pés no chão e humildade no trabalho.

Sobre William e a nova lesão

Não sabemos a gravidade da lesão, mas sabemos a pessoa que é o William. Sabemos o qual importante é ter o William no grupo. Como ele treina diariamente. Ele e todos são muito profissionais e trabalham muito. Quando acontece algo com um atleta, temos que acompanhar eles na recuperação.

Sobre a relação com a categoria de base

Nos temos uma linha que devemos seguir. Não é acaso o Talles e o Marquinhos estarem conosco. Nós trabalhamos durante a semana com atletas de Cotia e a interação é constante. Sabemos que alguns precisam de tempo e que outros já podem ajudar o elenco profissional. Acredito que este tipo de trabalho apenas começou.

Siga o Arquibancada Tricolor em suas redes sociais e acompanhe o que de melhor acontece no São Paulo: 
Instagram
YouTube
Twitter
Canal no Telegram
Apostas – BetChamps

Post anteriorSão Paulo vence o Vasco novamente e está nas quartas de final da Copa do Brasil
Próximo PostReveja os gols de Vasco 1×2 São Paulo
Pedro Vinicius, 24 anos e sou de São Paulo. Formado em jornalismo e especialista em jornalismo esportivo sou apaixonado por futebol desde sempre.