Crespo homenageia o ídolo Diego Maradona
Foto: Staff Images / Conmebol Libertadores

Treinador falou com a imprensa após a vitória no Morumbi

O treinador Hernán Crespo conversou com a imprensa após a vitória do São Paulo contra o Sporting Cristal por 3×0 no Morumbi. Os gols da partida foram marcados por Bruno Alves, João Rojas e Vitor Bueno.

Com o resultado, o Tricolor encerrou a campanha na fase de grupos da Libertadores com 11 pontos, 3 vitórias, 2 empates e 1 derrota. Com a vitória do Racing por 3×0 contra o Rentistas a equipe de Crespo terminou em 2º (o sorteio acontecerá em 09 de junho as 13h em Luque no Paraguai).

Confira abaixo o que Crespo falou:

Sobre buscar o primeiro lugar hoje

Nós sempre buscamos o primeiro lugar do grupo. Ficou difícil porque perdemos do Racing. Mas o mais importante é que depois de 5 anos o SP volta as oitavas da libertadores

Avaliação sobre a primeira fase

Vamos ver. Muito orgulhoso do elenco, depois de 5 anos, SP volta a jogar as oitavas de final. Vamos ver o sorteio, e vamos ver o que vai acontecer.

Análise dos meio campistas reservas

Eu acredito que temos muito recursos para aproveitar. Tivemos um jogo que nos permitiu colocar alguns jogadores no setor de meio campo.

Sobre Shaylon e Everton Felipe

Sim, como todos (Everton Felipe e Shaylon) devem merecer e trabalhar nos treinos como os outros fazem.

Sobre João Rojas

A sensação sobre Rojas é muito boa. Jogou uma boa partida e ajudou a equipe para a vitória.

Sobre decidir o mata-mata fora de casa

Falamos depois das oitavas. Sinceramente não sei se convém decidir em casa. Para mim o que vale é vencer e passar de fase, independente se joga em casa ou fora. Mas veremos e pensaremos no futuro.

Experiências no jogo de hoje

Não gosto dessa sensação de laboratório ou experimento. Aqui todos trabalham. Então acredito que a cada jogo o São Paulo deve honrar a camisa e a cada jogo os atletas devem merecer jogar e devem aproveitar cada minuto que estão jogando.

Avaliação do elenco

Acredito que hoje terminou um microciclo de 3 meses e meio, com o Paulistão e a fase de grupos da Copa Libertadores e os objetivos foram alcançados (vencendo o Paulistão e colocando a equipe nas oitavas após 5 anos) e isso quem conquistou foi o elenco. Pequenas coisas podem mudar, mas a filosofia, a identidade e o modo de trabalhar e respeitar a camisa do São Paulo vai continuar.

Post anteriorSão Paulo vence o Sporting Cristal e avança em segundo na Libertadores
Próximo PostReveja os gols de São Paulo 3×0 Sporting Cristal pela Libertadores 2021
Pedro Vinicius, 24 anos e sou de São Paulo. Formado em jornalismo e especialista em jornalismo esportivo sou apaixonado por futebol desde sempre.