Ederson relembra tempos de São Paulo
Foto: Reprodução

O goleiro Ederson hoje é um dos mais importantes do futebol nacional. Ele atua pelo Manchester City, figura na Seleção Brasileira e deve estar no grupo que vai ao Catar disputar a Copa do Mundo no final do ano. No programa Resenha do Alê Oliveira, o atleta relembrou os tempos de São Paulo, quando foi preterido por outros jogadores e acabou deixando o clube, ainda muito novo. E aproveitou para desmentir um treinador de goleiros da época, que deu entrevistas contando vantagens que não existiram.

Eu fiquei chateado um tempo com ele (o treinador) e com um preparador de goleiro, que quando eu estava indo para o City falou baboseira, em entrevista. Quando você está começando a crescer, querem aparecer, dizendo que viam qualidade. Eu lendo a entrevista em um jornal de Portugal e estava a reportagem lá. E aí dá vontade de responder, né? Mas depois vi que não valia a pena. Ele estava falando que via qualidade em mim, que o São Paulo arrumou time para eu ir, que eu não quis e preferi ir embora. Tudo mentira“, explanou Ederson.

Confira a entrevista completa abaixo. Ou clique aqui.

Tudo sobre o Tricolor!

Siga o Arquibancada Tricolor em suas redes sociais e acompanhe tudo sobre o São Paulo FC:

Instagram | YouTube | Twitter | Canal no Telegram | Conheça a nossa Loja

Post anteriorSão Paulo quita dívida com agência, que cobra mais 12,5 milhões do clube em negócio de Hernanes; entenda
Próximo PostApós confirmação de atleta, São Paulo esfria procura por goleiro
Matheus Tévez é formado em Direito pela UFBA, cursa Letras, além de ser professor, escritor e articulista. Mas a sua grande virtude é ser são-paulino doente desde os tempos em que Válber doutrinava na zaga.