Diego Lugano reconheceu ter sido expulso justamente contra o Santos (Foto:Sergio Barzaghi/Gazeta Press)Diego Lugano reconheceu ter sido expulso justamente contra o Santos (Foto:Sergio Barzaghi/Gazeta Press)

Após a sonora derrota do São Paulo por 3 a 0 diante do rival Santos, na tarde deste domingo, no Pacaembu, o zagueiro Diego Lugano reconheceu que sua expulsão “foi justa” nos minutos finais do clássico válido pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro. No entanto, o defensor ressaltou que o árbitro Raphael Claus deixou de sinalizar uma infração a favor do Tricolor momentos antes de cometer a falta que originou o terceiro gol do Peixe, anotado por Lucas Lima.

Lugano foi advertido aos 42 minutos do segundo tempo, quando parou Gabriel após ver a bola passar entre as suas pernas. Na cobrança da falta, Lucas Lima colocou no ângulo de Denis, dando números finais à partida.  Na sequência, o zagueiro reclamou com Claus, levando o segundo cartão amarelo e, consequentemente, o vermelho em seguida.

“A expulsão foi justa porque depois eu reiterei o erro após o gol do Santos. Ele não precisava ter feito isso. Reclamei com o árbitro e agora de cabeça mais fria acho que a expulsão foi justa”, admitiu o jogador de 35 anos na saída dos vestiários.

“O árbitro errou ao não marcar uma falta em cima do Carlinhos. Depois, ele deu uma falta minha e saiu o gol”, acrescentou o zagueiro.

Em relação ao clássico, Lugano também reconheceu a superioridade do Peixe, que controlou a partida com velocidade e posse de bola, abrindo 2 a 0 já na primeira etapa. “Tentamos de tudo no segundo tempo, mas o Santos foi superior o tempo todo e mereceu a vitória. Não se discute isso”, declarou o defensor, chamando a atenção para a necessidade de reforços no elenco tricolor. “Internamente, já falamos também que o elenco precisa ser reforçado”, concluiu. 

Após o revés no San-São, o Tricolor seguiu com 15 pontos e caiu da sétima para a décima colocação do Brasileirão. O time comandado por Edgardo Bauza buscará a recuperação já nesta quarta-feira, a partir das 21h45 (de Brasília), quando receberá o Fluminense, no Morumbi.


Bauza diz que Maicon vai a Portugal para ajudar com negociação

Coletiva de imprensa do técnico Dorival Junior após vitória do Santos

Assista aos gols da vitória do Santos sobre o São Paulo