Pablo fala sobre apoio dos companheiros durante jejum de gols

O atacante Pablo ficou 10 jogos sem marcar e durante esse período recebeu diversas críticas por parte da torcida, mas contou com o apoio da comissão técnica e de seus companheiros de equipe.

O camisa 9 marcou seu primeiro gol do ano na estreia do São Paulo no Campeonato Paulista contra o Água Santa no Morumbi. Na ocasião, o Tricolor venceu por 2×0, sendo o outro gol marcado por Daniel Alves.

E, por falar no camisa 10, Pablo disse que ele foi motivado por Dani Alves durante o seu jejum de gols: “Eu lembro do jogo contra a LDU, que eu tive uma oportunidade, o zagueiro tirou no último momento da finalização, e a gente vencia o jogo por 3 a 0. Todo mundo feliz no vestiário, eu meio cabisbaixo, e o Dani (Alves) chega em mim e fala: “Calma, o gol vai voltar a acontecer, é só você ter paciência, haja natural, esteja feliz, seja você, esse cara alegre, que é feliz com todo mundo, que dá risada e levanta a autoestima”. Ele falou isso para mim e foi algo que eu vim para casa e falei: “Pô, o Dani se importar e falar mostra que o grupo sempre é o mais importante”.

Então, na partida seguinte que foi o clássico contra o Santos, Pablo desencantou e marcou duas vezes, levando o São Paulo à primeira vitória em clássicos do ano pelo placar de 2×1 de virada.

Todavia, esse foi o último jogo do Tricolor antes das paralisações e para não perder o ritmo, o atacante disse que tem adaptado os seus treinos em casa. “A gente está se adaptando, treinando em casa. Fiz aqui da área da churrasqueira um lugar de treino. Meu filho com um aninho brincando também é muito engraçado. Estou aproveitando também este momento”.

Veja o que mais o atacante falou à SPFCtv:

Foto: Rubens Chiri / São Paulo FC






Comente com sua conta do Facebook: