Estatísticas de São Paulo e Red Bull Bragantino até a 8ª rodada
Foto: Rubens Chiri / São Paulo FC

Equipe domina números em posse de bola e troca de passes mas em eficiência time vai mal e tem números baixos

O desempenho ofensivo do São Paulo desde o começo do Brasileirão é preocupante. O Tricolor tem o pior ataque do Campeonato Brasileiro junto com Grêmio, Cuiabá e Sport com apenas quatro gols, assim como é o segundo que tem menos chances claras de gol (apenas 4 no torneio).

Devido os desfalques o time tem sofrido muito para conseguir furar as defesas adversárias. Éder contra a Chapecoense e Benítez e Sara contra o Cuiabá foram os únicos tricolores que fizeram gol no torneio (o quarto foi marcado contra por Gabriel Dias do Ceará).

Problema ofensivo comprovado nos números da equipe no Brasileirão
Foto: Rubens Chiri / São Paulo FC

O time ainda está com números altos em dois indicadores preocupantes. A equipe é a sexta da competição que menos finaliza (61 chutes ao longo do torneio) e a segunda que fica mais em impedimento (já são 16 nas oito primeiras rodadas do Brasileirão).

E se o número de gols da equipe é um dos mais baixos do Brasileirão, no critério posse de bola e passes trocados o time vai bem. O Tricolor está entre em terceiro na posse de bola (61,3% em média no torneio), em segundo em passes (já foram 3.488) e lidera os índices de passes no terço final do campo (432) e passes verticais (64).

Sem Luciano nas últimas rodadas e Benítez durante boa parte da campanha até aqui, o Tricolor ficou refém da criação dos volantes e com a ausência de Luan o setor precisou se desdobrar na armação das jogadas e na recomposição e desarmes (já que o camisa 13 é um dos melhores na parte defensiva).

Confira os números ofensivos do Tricolor na partida contra o Corinthians

8 chutes no total
3 chutes no alvo
4 chutes para fora
1 chute travado
0 grande chance criada
6 chutes de dentro da área
58% de posse de bola
555 passes (475 acertos – 86% de acerto)
42 lançamentos (18 acertos – 43% de acerto)
20 cruzamentos (6 acertos – 30%)
5 impedimentos

O baixo desempenho ofensivo na partida rendeu críticas do ex-jogador Souza e também premiou Léo como destaque da partida.

O próximo jogo da equipe será no domingo às 18h15 contra o Red Bull Bragantino. A partida válida pela nona rodada do Brasileirão será no Morumbi e o Tricolor precisa da vitória para sair da zona de rebaixamento.

Post anteriorTricolor anuncia renovação de contrato de Léo
Próximo PostSegundo André Plihal, Miranda e Luan não tiveram lesões constatadas
Pedro Vinicius, 24 anos e sou de São Paulo. Formado em jornalismo e especialista em jornalismo esportivo sou apaixonado por futebol desde sempre.