Rogério Ceni avalia Rigoni e elogia o comportamento do argentino
Foto: Rummens

O argentino Emiliano Rigoni é um dos grandes atletas do grupo do São Paulo. O atleta chegou ao Morumbi na última temporada e rapidamente cativou a torcida com gols, assistências e grandes jogos. Porém, desde a saída de Hernán Crespo, Rigoni caiu de rendimento. Passando a errar finalizações e outras jogadas, acabou perdendo espaço no elenco Tricolor.

No começo desta temporada, a expectativa da direção e da comissão técnica era recuperar o futebol de Emiliano Rigoni. Internamente, o argentino continuava chamando a atenção por seu comportamento – sempre incentivo e elevando o astral na Barra Funda. As primeiras rodadas do Paulistão, porém, mostraram que o jogador ainda tinha problemas de confiança.

Rigoni então perdeu a vaga de titular e passou a entrar nos jogos (em alguns, como no clássico contra o Palmeiras, permaneceu no banco de reservas durante os 90 minutos).

Nas últimas semanas, porém, a fase de Rigoni parece ter mudado. Aproveitando os desfalques no time, o jogador participou da vitória contra o Mirassol e marcou seu primeiro gol na temporada. Na última quarta-feira, o jogador entrou no duelo contra o Manaus e ganhou a chance de cobrar uma falta à pedido de Rogério Ceni (a bola explodiu no travessão).

Neste sábado, o atleta foi titular e marcou o primeiro gol da equipe na vitória por 2 a 1, contra o Botafogo-SP. Após o duelo, Rogério Ceni comentou sobre o argentino e elogiou sua postura fora de campo.

“Rigoni é um menino ótimo para se lidar no dia a dia. Ele teve uma fase muito boa quando chegou ao São Paulo, com muitos gols e assistências, e nós estamos tentando fazer com que ele ganhe confiança novamente. Acho que ele rende bem em qualquer função, por dentro, seja por fora, no um contra um, ele tem essa técnica”, comentou o treinador na entrevista pós jogo.

Confira os números de Rigoni neste Paulistão

  • 10 jogos (7 como titular)
  • 58 minutos em campo em média
  • 2 gols
  • 0,7 chutes no gol por jogo
  • 3 grandes chances perdidas
  • 1 assistência
  • 19,5 toques na bola em média
  • 1,1 passe chave em média

Com Rigoni na delegação, o São Paulo enfrenta o São Bernardo, na próxima terça-feira (22), às 20h30, no Estádio do Morumbi. O duelo é eliminatório e em caso de empate, a decisão será nas penalidades máximas.

Tudo sobre o Tricolor!

Siga o Arquibancada Tricolor em suas redes sociais e acompanhe tudo sobre o São Paulo FC:

Instagram | YouTube | Twitter | Canal no Telegram | Conheça a nossa Loja

Post anteriorSão Paulo não terá desfalques por cartões para as quartas de final
Próximo PostThiago Couto: “Foi a primeira vez que recebi a oportunidade de estar em campo e fiquei muito feliz”
Pedro Vinicius, 24 anos e sou de São Paulo. Formado em jornalismo e especialista em jornalismo esportivo sou apaixonado por futebol desde sempre.