Gustavo, Jacobson, Leco e Medicis formam a diretoria de futebol a partir de agora (Foto: Juca Pacheco/saopaulofc.net)Da esquerda para a direita, Gustavo, Jacobson, Leco e Medicis formam a diretoria de futebol (Foto: Juca Pacheco/saopaulofc.net)

O São Paulo confirmou nesta quarta-feira os nomes de José Alexandre Medicis da Silveira e José Jacobson Neto como escolhidos para ocupar os cargos de vice-presidente e diretor de futebol, respectivamente. A dupla já assumiu suas funções e teve sua primeira reunião estratégica com o presidente Carlos Augusto de Barros e Silva e o diretor-executivo Gustavo Vieira de Oliveira no CT da Barra Funda.

Medicis chega credenciado pelo excelente desempenho como diretor de futebol da base, cargo ocupado entre novembro de 2014 e agosto de 2015, no qual trabalhou justamente com Luiz Cunha, antigo diretor. Ele foi um dos responsáveis por estruturar e implementar o trabalho que culminou em uma série de conquistas importantes para a equipe sub-20, como a Copa Ouro, Copa RS e Copa do Brasil e a Libertadores.

“Nosso desafio é continuar esse trabalho de integração das categorias de base com o profissional, que já tem mostrados seus frutos, e dessa forma, fortalecer o elenco de uma maneira que nos permita brigar por todos os títulos que disputarmos”, projetou o novo vice em entrevista ao site oficial do clube. Ele substituirá Ataíde Gil Guerreiro, que comunicou sua saída da administração há três meses.

Administrador de empresas, Jacobson já integrava o atual corpo diretivo e era o vice-presidente de administração e finanças, que cuida da área social do clube e terá um novo representante indicado nos próximos dias. Empolgado com o novo desafio, ele espera dar continuidade ao que considera um processo de reconstrução.

“É uma missão muito importante e tenho certeza de que os bons resultados continuarão chegando. Vamos seguir firmes com essa mentalidade de trabalhar em grupo para juntos alcançarmos os objetivos”, explicou o diretor. Recentemente apresentados, ambos foram bastante elogiados por Leco.

“O são-paulino pode ter certeza de que são duas pessoas absolutamente preparadas para o cargo e que carregam consigo os traços de profissionalismo, parceria e comprometimento que desejamos para qualquer um que ocupe funções dentro do clube. Não poderia estar mais satisfeito com nossos novos companheiros”, encerrou.


São Paulo confirma 28 mil ingressos vendidos para semi da Libertadores

São Paulo não sabe explicar acidente no Morumbi, afirma deputado

Jogadores retribuem festa de funcionários com churrasco no CT