Luciano está conseguindo irritar o torcedor do São Paulo | OPINIÃO

Foto: Reprodução / SporTV

Luciano chegou em agosto de 2020 e rapidamente conquistou a torcida do São Paulo por marcar gols, ser provocador e realmente vestir a camisa.

Lembro de seu primeiro gol logo na estreia contra o Bahia pelo Campeonato Brasileiro, quando perdíamos em casa por 1×0 com gol de Rossi que após marcar fez uma comemoração (o que é normal e faz parte do futebol). O recém chegado atacante vindo do Grêmio entrou na partida na segunda etapa, empatou o jogo e imitou a comemoração do atacante do Bahia e tirou sarro. A torcida, claro, foi à loucura.

Em sua primeira temporada no Tricolor, sagrou-se artilheiro do Brasileirão com 18 gols marcados e em 2021 marcou o gol do título Paulista sobre o Palmeiras. Passou por lesões, algumas fases não tão boas quanto a de sua chegada, mas mesmo assim continuou marcando gols importantes para o time.

Em 2023, ganhou a camisa 10. Algo que tem uma representatividade enorme e que carrega consigo uma pressão muito grande, ainda mais porque nos últimos anos quem vestiu esta camisa deixou muito a desejar.

Só que tem um problema com Luciano que irrita o torcedor são-paulino que é a famosa “birra”. Ele reclama de tudo e em qualquer momento, não estou dizendo que não precisa se impor, muito pelo contrário, é necessário se impor ainda mais sendo o camisa 10 do São Paulo Futebol Clube, mas é aí que está o lance, é preciso saber quando se impor e a maneira de fazer isso.

Não foi uma, não foram duas, foram diversas vezes que Luciano tomou cartões amarelos por reclamações indevidas e inúteis, simplesmente por expressar um nervosismo desnecessário.

O último episódio foi no jogo contra o Ituano que, ao deixar o campo, Luciano enrolou para sair, reclamou e tomou o cartão amarelo. Isso pode tirá-lo de partidas importantes e prejudicar direta e indiretamente o time. Falta posicionamento de um camisa 10!

Caso não consiga visualizar clique aqui.

Se ele faz isso para tentar ganhar a torcida do São Paulo, está dando muito errado, porque só se observam manifestações de revolta com a situação. Luciano tem o carinho dos torcedores, porém está perdendo aos poucos. Ele teve seu nome gritado nas arquibancadas do Morumbi mesmo quando não estava em grande fase, então, basta cumprir sua função, mudar o posicionamento que tem tudo para seguir na memória do torcedor de maneira positiva, mas desse jeito não dá.

Agora, o que a comissão técnica e a diretoria têm feito a respeito?
Dorival acabou de chegar e tem a fama se saber lidar bem com os elencos que trabalha, então, estou acreditando que vai saber conversar e fazer com que Luciano mude estas atitudes.

Muricy Ramalho, Coordenador Técnico do clube, disse já ter conversado com o atleta a respeito, todavia, até então, parece não ter tido resultado.

Isso porque não estou nem citando que o futebol apresentado na temporada é digno de banco de reserva. Agora que Ceni foi mandado embora, Luciano volta a jogar como segundo atacante e não existe mais a desculpa que está fora de posição, precisa mostrar um bom futebol. Marcou contra o América, muito bem, fez o trabalho e precisamos agora de mais!

Para vestir a 10 do São Paulo tem que merecer. Já chegou a receber a faixa de capitão e precisa agir como tal, ter postura e mostrar em campo que consegue ajudar a equipe ao invés de prejudicar, e que vai levar o torcedor a ter alegrias e não ficar irritado com jogador que não sabe se comportar.

Espero que haja mudança, posicionamento e respeito aos torcedores do São Paulo.

*As opiniões expressas aqui são de responsabilidade do autor do texto, e não refletem a opinião do site

Siga-nos no Instagram, no YouTube e no Twitter.

Compartilhe esta notícia