As cifras envolvendo jogadores no futebol atual, são astronômicas. Mesmo jogadores que nem sempre são craques, tem sido negociados por quantias impensáveis até há pouco tempo.

Publicidade

Para se ter uma ideia de comparação, Zico, um dos maiores jogadores da história, foi negociado em 1983 pelo Flamengo à Udinese da Itália, por “apenas” US$ 7.8 milhões.

Você já parou pra pensar quais são as contratações que envolveram as maiores quantias de dinheiro na história do São Paulo? Confira:

10. Alan Kardec – R$13.9 milhões

Pivô de uma briga entre Aidar e Paulo Nobre, fez gols, mas ficou pouco tempo

9. Everton – R$15 milhões

O São Paulo depositou o valor da multa de rescisão com o Flamengo

8. Luis Fabiano – R$19.9 milhões

O retorno do Fabuloso custou um alto valor financeiro, trouxe gols e contusões

7. Ricardinho – R$20.1 milhões

Ricardinho veio do rival em meio à Copa de 2002, mas acabou não vingando

6. Tiago Volpi – R$21 milhões

Emprestado pelo Querétaro, do México, teve vínculo comprado pelo SPFC em 2019

5. Tchê Tchê – R$22 milhões

Tche Tche foi contratado junto ao Dynamo Kiev e é titular absoluto

4. Maicon – R$22.1 milhões

O zagueiro era peça fundamental do elenco na Libertadores 2016, mas caiu de rendimento

3. Lucas Pratto – R$23.9 milhões

Lucas Pratto voltou à Argentina com esperanças de ir à Copa de 2018

2. Ganso – R$23.9 milhões

Teve momentos muito bons, mas ficou abaixo da expectativa gerada na chegada

1. Pablo – R$26.9 milhões

Contratação mais cara da história do SPFC, Pablo ainda não engrenou

Devido às mudanças do futebol brasileiro, esta lista estará sempre em atualização. Os valores das negociações foram convertidos em reais, para efeito de comparação.

Fontes:
GloboEsporte.com
Terra.com.br
UOL.com.br
Lancenet.com.br

Post anteriorEntrevista exclusiva com Raí, ex-jogador e atual diretor do São Paulo FC
Próximo PostRicardo Rocha na diretoria de futebol do São Paulo
A equipe do Arquibancada Tricolor trabalha diariamente para trazer notícias, matérias e opiniões sobre o São Paulo FC, desde 2008. O lema 'Futebol com Humor e Opinião' conduz nosso trabalho que alcança mais de 1 milhão e 500 mil seguidores nas mídias sociais.