Como será feito o pagamento do São Paulo por Jonathan Calleri
Foto: Rubens Chiri / São Paulo FC

No contrato assinado entre o São Paulo e Jonathan Calleri em agosto de 2021, existia uma cláusula que previa que se ele participasse de 30% dos jogos do Tricolor desde a sua chegada até o final de 2022, o clube teria que exercer a compra de seus direitos econômicos junto ao Deportivo Maldonado, do Uruguai.

Levando em consideração que o time chegue a todas as finais até o encerramento da temporada, esta meta foi atingida no clássico do último domingo (22) contra o Corinthians, quando o camisa 9 alcançou a porcentagem de 31,31% dos minutos.

Com isso, o Tricolor terá de fazer a compra do jogador e desembolsar 3 milhões de dólares (R$ 14,4 milhões na cotação atual). O pagamento será feito de maneira parcelada, sendo 1 milhão de dólares em 2023, 1 milhão de dólares em 2024 e 1 milhão de dólares em 2025.

Jonathan Calleri é o artilheiro do São Paulo no Campeonato Brasileiro com sete gols em sete jogos, além de ser o atleta que mais marcou pelo time na temporada, 14 vezes.

Tudo sobre o Tricolor!

Siga o Arquibancada Tricolor em suas redes sociais e acompanhe tudo sobre o São Paulo FC:

Instagram | YouTube | Twitter | Canal no Telegram | Conheça a nossa Loja

Fonte: Eduardo Rodrigues e José Edgar de Matos / Globo Esporte

Post anteriorMetas atingidas: São Paulo deverá cumprir aquisição de Calleri junto ao Maldonado
Próximo PostOnde assistir São Paulo x Ayacucho | Sul-Americana 2022
Vanessa Dias, 25 anos e sou de Araras, interior de São Paulo. Formada em Relações Públicas, especialista em Mídias Digitais e apaixonada por futebol desde que me conheço por gente. Sou parte do time desde o começo de 2018, onde trabalhamos todos os dias para que a torcida esteja sempre em conexão com o clube do coração.