São Paulo e Palmeiras analisam parceria após clássico realizado no Morumbi

Foto: São Paulo FC

Palmeiras e Santos se enfrentaram no Estádio do Morumbi no sábado (04) em partida válida pela 6ª rodada do Campeonato Paulista devido a um pedido do mandante do jogo, o clube Alviverde, que firmou uma parceria com o São Paulo para que, se necessário, o Tricolor também possa fazer uso do Allianz Parque no futuro.

O Tricolor fez uma vistoria nas dependências do Morumbi e não foram constatados danos significativos. O sucesso do evento foi celebrado pelo presidente Julio Casares.

“O futebol paulista sai vitorioso após este fim de semana. São Paulo e Palmeiras mostram que é possível a convivência pacífica entre rivais históricos, deixando a disputa acirrada apenas para dentro de campo nos jogos entre os times. Queremos que este momento seja um marco para o futebol paulista. Entendemos também que o esporte deve ser visto como entretenimento e lazer. Vamos seguir trabalhando pelo bem do futebol brasileiro e para fortalecer os clubes”.

A presidente do Palmeiras, Leila Pereira, também falou sobre a parceria e agradeceu à diretoria são-paulina pela recepção no Morumbi: “A rivalidade deve se restringir ao campo de jogo. Fora dele, os clubes têm interesses em comum e precisam trabalhar coletivamente em busca de melhorias para a indústria do futebol. Se quisermos transformar o futebol brasileiro em um produto mais atraente para todos, a civilidade e o respeito devem prevalecer em todos os momentos. Agradeço à diretoria do São Paulo, pela forma como fomos recebidos no Morumbi, e à torcida palmeirense, pelo comportamento exemplar demonstrado na casa de um rival”.

Devido à boa condução deste clássico, no site oficial do São Paulo foi publicado: “Na avaliação das Presidências de ambas as agremiações, o saldo positivo do evento contribui para que, futuramente, os clássicos estaduais voltem a ser disputados com a presença de duas torcidas”.

Siga-nos no Instagram, no YouTube e no Twitter.

Compartilhe esta notícia