Tava com saudade de passar nervoso com o São Paulo, né? Pronto, já passou.

Finalmente…voltamos! Depois de mais de quatro meses sem jogos, o São Paulo voltou a campo para enfrentar o RB Bragantino na noite desta quinta-feira no Morumbi (sem torcida) pela penúltima rodada da fase de grupos do Campeonato Paulista.

Em um clima totalmente diferente do que estamos acostumados e com o estádio adaptado com som da torcida e bandeirões pendurados na arquibancada foi que o time comandado pelo técnico Fernando Diniz até que saiu na frente do placar com Pablo logo no início da partida, mas que acabou tomando a virada ainda no primeiro tempo.

Depois veio outro gol do camisa 9 Tricolor e o primeiro tempo terminou empatado em 2×2. Detalhe, surpreendentemente, pelo menos pra mim, um bom primeiro tempo!

Na segunda etapa, o São Paulo claramente não foi o mesmo e acabou tomando um golaço de Artur, que fechou o jogo assim, São Paulo 2×3 RB Bragantino.

Enfim, é motivo de desespero? Não. É preciso analisar o que aconteceu de errado? Sim.

O primeiro tempo foi bom para ambas as equipes, que se propuseram a jogar, tanto que os 5 gols da partida mostraram isso. É muito tempo longe dos gramados e o time do São Paulo teve praticamente apenas 20 dias para se preparar e de cara enfrentar uma equipe muito bem montada e preparada.

O problema é que o Tricolor, já classificado para as quartas, enfrenta o Guarani na última rodada da fase de grupos e pode ajudar o rival Corinthians a também avançar para o mata-mata.

É claro que o São Paulo não vai entregar a partida, mesmo que seja a vontade de 99,9% dos torcedores. Afinal, se o Guarani ganhar, o Corinthians tá fora, se empatar é preciso que o time de Itaquera vença com dois gols de diferença, e se o time de Campinas perder e o nosso rival vencer, o Corinthians avança.

Uma situação complicada, mas bem que a gente poderia entrar com o time totalmente reserva e bem de boa, não é?! Já estamos classificados mesmo…

Brincadeiras à parte. Apesar da derrota foi muito bom ver o São Paulo novamente em campo apesar dos apesares. Foram longos dias longe do Tricolor.

O que podemos tirar de positivo são os dois gols marcados por Pablo, que agora é o artilheiro do time no ano ao lado de Daniel Alves com cinco gols. O nosso ataque foi relativamente bem, já o nosso sistema defensivo deixou a desejar. Tomar três gols em um jogo dentro de casa não deve acontecer.

No entanto, estamos levando em consideração a falta de ritmo e todo o contexto do recente retorno. Vou me segurar para voltar a cornetar (rsrs).

A próxima partida, então, é contra o Guarani, no próximo domingo, 26 de julho, às 16h, na Vila Belmiro.

Confira o nosso pré-jogo de São Paulo 2×3 RB Bragantino:

E os melhores momentos dessa partida:

*A opinião do colunista não reflete a opinião do site

Foto: Rubens Chiri / São Paulo FC

Comente com sua conta do Facebook: