#ColunaAT – Pés no chão

A TRIbuna do Braga é escrita pelo Rodrigo Braga em todas às sextas.

Time 100% na largada do Brasileirão. Boas atuações nas vitórias sobre Botafogo e Goiás. A largada do São Paulo é animadora, diante de tudo que se apresenta no cenário da temporada. Mas é preciso não empolgar em excesso para não comprometer. O time é bom, a garotada é promissora, mas muita calma e canja de galinha nunca fizeram mal. Esses jovens certamente vão oscilar entre ótimas atuações e jogos medonhos, apagados. E a cobrança agora já é de profissional, e a torcida são-paulina, em boa parte com razão, anda sem muita paciência com o time. Se vai mal um, dois jogos, a corneta já vem com força. Repito o que já disse em outros textos: eu acredito no potencial desse elenco. Mas é preciso que todos façam a sua parte para mantê-lo com os pés no chão.

Grande chance

Domingo o São Paulo recebe um Flamengo remendado e com a cabeça no Uruguai, onde decide vaga nas oitavas da Libertadores na quarta-feira. Fazia tempo que uma tabela não sorria assim para nós, dando aquela forcinha extra para uma vitória. Chance de ouro para fazer três pontos contra um dos favoritos ao título e seguir 100% no Brasileirão. Time focado nisso e torcida (apesar dos ingressos salgados…) fazendo a sua parte. Essa é a receita.

Bolinhas (1)

Por falar em sorte, artigo de luxo pelos lados do Morumbi nos últimos anos, parece que os ventos andam mudando… Sorteio da Copa do Brasil, se não chegou a ser uma molezinha enfrentar o Bahia, também não dá para dizer que é uma pedreira, o que geralmente era o que sobrava para nós nos sorteios recentes. Gostei inclusive de jogar a primeira no Morumbi (ou Pacaembu por causa da Copa América), pois é uma boa chance de abrir frente e só administrar na Fonte Nova, onde o tricolor baiano é forte.

Bolinhas (2)

Ainda sobre o sorteio da Copa do Brasil. Pessoal anda brincando que para o Tricolor se sair bem e os rivais nem tanto, só mesmo com um trio de são-paulinos (os ex-jogadores Caio Ribeiro e Juninho Paulista e o narrador Luiz Roberto) comandando as bolinhas.

Mesma tecla

Insistindo, porque é importante insistir: Leco, bota na sua cabeça que manter essa garotada o máximo de tempo possível é o caminho mais certo para o Tricolor triunfar dentro de campo e nas finanças também. Chega de vender para atravessador. Fica a dica.

Mistério

Arboleda, que vinha muito bem na zaga, é mais um da enorme lista de lesionados, e da mesma forma que Pablo só deve retornar após a Copa América. Não entra na minha cabeça que seja apenas coincidência.







Rodrigo Braga. Tenho 40 anos, sou um paulista, paulistano e são-paulino radicado em Santa Catarina, onde há mais de 20 anos atuo como jornalista. Fui editor de esporte e participei de coberturas de Copa do Mundo, Jogos Pan-Americanos e outros eventos internacionais. Sou louco por futebol, mas, principalmente, sou louco pelo São Paulo Futebol Clube.

*A opinião do colunista não reflete a opinião do site

Foto: saopaulofc.net

Comente com sua conta do Facebook: