O que te irrita mais?

A má campanha do São Paulo no returno do Brasileirão vem irritando muito o torcedor são-paulino, que não entende a queda de performance.

De líder e campeão do primeiro turno, a um desempenho medíocre devido a desfalques por contusões, mas também à baixa performance de jogadores que vinham bem e algumas convicções erradas do treinador.

Elencamos alguns pontos aqui, que são consenso entre os torcedores e que explicam um pouco sobre o momento turbulento da equipe:






  • Insistência do time recuar quando está vencendo;
  • Falhas e insegurança de Sidão;
  • Apatia e desatenção constante de alguns jogadores;
  • Indisciplina / melindre de alguns que vão para o banco;
  • Falta de peças no elenco para mudar o cenário dos jogos;
  • Preparo físico do elenco, que não aguenta 90 minutos;
  • Medo excessivo de Aguirre em usar jogadores da base no ataque;

Por mais que muitos tenham a consciência que o elenco do São Paulo talvez não tivesse condições de brigar pelo título brasileiro, é difícil entender e aceitar a repentina queda de rendimento da equipe.

O que mudou tanto?

No gol, a inconstância de Sidão deu lugar aos destemperos de Jean, que ainda não conseguiu emendar uma sequência, pois cumpriu suspensão por expulsão.

A zaga passou a falhar constantemente, apresentando insegurança em diversas partidas (o jogo contra o Flamengo é um exemplo). Bruno Alves, Arboleda e Anderson Martins vem batendo cabeça.

Os volantes tem se alternado bem, graças ao fato de termos 4 jogadores se revezando e não deixando o nível cair muito, com Jucilei, Hudson, Liziero e Luan (que saiu contundido domingo e preocupa).

Nenê, nosso principal armador perdeu a titularidade após apresentar um futebol mediano no returno e se irritar constantemente nas substituições. Precisa mostrar que merece voltar ao time.

Reinaldo vinha apresentando um bom futebol, mas caiu demais, assim como nossa força pela lateral direita, com a chegada de Bruno Peres, que ainda não acrescentou nada.

No ataque, por mais que Diego Souza ainda faça seus gols, e Carneiro venha dando mais mobilidade ao time, as perdas de Everton e Rojas enfraqueceram o setor. Aguirre precisa ousar, como fez ao colocar Helinho.

O time continua na briga por uma vaga direta na Copa Libertadores de 2019, agora mais ameaçado pelo Grêmio que está há apenas 2 pontos de distância.

Jogadores e treinador precisam falar a mesma língua, focar no mesmo objetivo, pois se ficarem com birras, quem fica em segundo plano é o São Paulo e nós torcedores, mais uma vez, frustrados, decepcionados e irritados.


Foto: Rummens

Comente com sua conta do Facebook:
Você já conhece a Loja do Arquibancada? Modelos exclusivos para você mostrar o seu amor pelo Tricolor!

Confira outras notícias no Arquibancada Tricolor

Leave a Reply