Juvenal Juvêncio criticava Ricardinho ao vivo há 20 anos; relembre

Há 20 anos, exatamente em um dia 12 de janeiro, o então Diretor de Futebol do São Paulo, Juvenal Juvêncio, anunciou ao vivo a saída do meia Ricardinho e aproveitou para fazer algumas críticas ao atleta, que ouvia tudo ao lado do dirigente.

Juvenal foi claro ao afirmar: “O Ricardinho não deseja mais jogar no São Paulo. E ele, não desejando mais jogar no São Paulo, não pode jogar. Aqui vai jogar quem quer jogar, quem quer compor, quem quer unir, quem quer pôr a perna, quem quer pôr a canela, quem quer vestir a camisa. Vai jogar quem estiver emotivamente preparado. E ele não quer. Ele quer novos ares.”

O anúncio da saída de Ricardinho aconteceu no mesmo dia da apresentação dos reforços para 2004: o lateral-direito Cicinho (ex-Atlético Mineiro), os zagueiros Rodrigo (ex-Ponte Preta) e Fabão (ex-Goiás), o meia Vélber (ex-Paysandu) e o atacante Grafite (ex-Goiás), além do técnico Cuca (ex-Goiás). Cicinho, Fabão e Grafite estavam no elenco multicampeão de 2005. Outro que foi apresentado na sequência e que também estava no elenco do ano seguinte foi o meia Danilo, também ex-Goiás.

Ricardinho chegou ao São Paulo no segundo semestre de 2002 e ficou no clube por apenas 1 ano e 4 meses. O meia disputou 63 jogos, marcou quatro gols e distribuiu 13 assistências.

Caso não consiga visualizar o vídeo, clique aqui

Siga-nos no Instagram, no YouTube e no Twitter. Conheça a nossa Loja.

Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você concorda com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Ler mais