Casares faz analogia entre o São Paulo e uma delegacia movimentada.
Foto: Reprodução / SPFCTV

O São Paulo foi um dos clubes que mais movimentaram o mercado da bola em dezembro. Após a campanha pífia no Campeonato Brasileiro, áudio vazado de Muricy Ramalho e mudanças no estatuto, a diretoria se mexeu e rapidamente acertou com Jandrei, Rafinha e Alisson.

Os três atletas possuem uma característica em comum: não custaram valores de transação para o São Paulo. Os dois atletas que chegaram do Grêmio, acertaram a negociação após rescindir com o clube gaúcho, enquanto o goleiro possuía uma claúsula de liberação junto ao Santos.

Porém, o clube segue no mercado e busca reforços pontuais. Nesta semana estiveram vinculados ao time Ferreira, Douglas Costa, Wesley e Soteldo, porém, as negociações não avançaram e o time segue em busca de novas alternativas no mercado.

O time também tem o desejo de reduzir a folha salarial. Atletas como Vitor Bueno, Pablo e Éder estão em uma lista de dispensa e devem ser negociados nos próximos dias – o camisa 9 inclusive foi sondado pelo Ceará e deve voltar a fazer parceria com o treinador Tiago Nunes.

O São Paulo atravessa um momento complicado financeiramente. O time tem dívidas altas e terá que começar pagamentos tanto de rescisões quanto de bonificações em 2022, com isso, o clube teve que aprovar empréstimos bancários e conta com vendas de atletas para não ter problemas financeiros ao longo da temporada.

Julio Casares tem viagens no próximo mês para buscar investidores. O presidente e a diretoria já entenderam a necessidade de buscar investidores antes de fechar com qualquer atleta – algo que aconteceu com o Dani Alves.

Siga o Arquibancada Tricolor em suas redes sociais e acompanhe o que de melhor acontece no São Paulo FC
Instagram
YouTube
Twitter
Canal no Telegram
Conheça a nossa Loja

Post anteriorEm preparação para estreia na Copinha 2022, São Paulo treina em Cotia
Próximo PostSão Paulo busca quinto título da Copinha em 2022
Pedro Vinicius, 24 anos e sou de São Paulo. Formado em jornalismo e especialista em jornalismo esportivo sou apaixonado por futebol desde sempre.