Souza revela bastidor de corte de Tardelli em 2005
Foto: Reprodução

Nos idos de 2005, o São Paulo massacrou o Athletico Paranaense na final da Copa Libertadores, vencendo o jogo de volta, no Morumbi, por sonoros 4×0. O último tento da equipe foi marcado pelo então jovem atacante Diego Tardelli, que havia se destacado e feito muitos gols no Paulistão daquele ano. Contudo, curiosamente, o atleta não foi relacionado para o Mundial de Clubes. Pois que ontem, no programa Canelada FC, da Jovem Pan Esportes, Souza revelou o motivo da ausência.

Segundo o ex-jogador do Tricolor, Tardelli foi cortado por Paulo Autuori, que dirigia o São Paulo no período glorioso, por ter se atrasado em um treino às vésperas do torneio.

Ele não foi porque o técnico era Paulo Autuori e ele faltou em um dos treinos. Estava todo mundo treinando, ele estava escalado. Tardelli fez gol na final da Libertadores, pô. Aí teve um treino lá, ele chegou atrasado e Paulo cortou ele do Mundial. Mas atrasado mesmo; muito atrasado. Paulo era de um coração muito grande, mas Tardelli era muito reincidente. Ele chegou um dia de helicóptero no treino“, relatou Souza, aos risos.

Confira o depoimento revelador no vídeo abaixo. Ou clique aqui.

Tudo sobre o Tricolor!

Siga o Arquibancada Tricolor em suas redes sociais e acompanhe tudo sobre o São Paulo FC:

Instagram | YouTube | Twitter | Canal no Telegram | Conheça a nossa Loja

Post anterior“El gigante”: Confira o que os jornais internacionais publicaram após a vitória do São Paulo
Próximo PostPatrick ironiza crítica sobre forma física, e Ceni brinca com a questão
Matheus Tévez é formado em Direito pela UFBA, cursa Letras, além de ser professor, escritor e articulista. Mas a sua grande virtude é ser são-paulino doente desde os tempos em que Válber doutrinava na zaga.