Vitor Bueno não é mais jogador do São Paulo
Foto: Rubens Chiri / São Paulo FC

No começo da noite desta quarta-feira (26), o meia-atacante Vitor Bueno assinou a rescisão contratual com o São Paulo. A informação foi divulgada pelos repórteres Eduardo Rodrigues e José Edgar de Matos, do Grupo Globo. O jogador, que chegou ao clube em 2019, abriu mão dos dois anos de contrato que ainda tinha, para receber os valores referentes a atrasos de direitos de imagem.

Com o fim da negociação, o São Paulo enxerga um alívio em seu orçamento. Somando os vencimentos de Vitor Bueno até o fim da passagem, o time pagaria um valor na casa de R$ 10 milhões.

O meia-atacante chegou ao Morumbi em 2019, sob o comando de Cuca. O treinador viu no atleta um perfil ofensivo e propôs ao Santos um troca, que mandaria o atacante Raniel a Vila Belmiro.

Em seu primeiro ano, sob o comando de Cuca e Fernando Diniz, Vitor Bueno viveu seu melhor momento. O jogador anotou seis gols e foi o artilheiro da equipe no Campeonato Brasileiro.

Porém, depois da temporada de estreia, o jogador não conseguiu voltar a ter protagonismo no time e amargou o banco de reservas. Na última temporada, ainda sob o comando de Hernán Crespo, o atleta foi testado como atacante, porém, pouco produziu.

Com a chegada de Ceni, Bueno perdeu ainda mais espaço. No fim, o meia-atacante deixa o Morumbi com 120 jogos e 16 gols.

Siga o Arquibancada Tricolor em suas redes sociais e acompanhe o que de melhor acontece no São Paulo FC: 
Instagram
YouTube
Twitter
Canal no Telegram
Conheça a nossa Loja

Post anteriorAssista à apresentação do elenco do Futebol Feminino do SPFC para 2022
Próximo PostCasares anuncia rescisão de Pablo em live com jornalista
Pedro Vinicius, 24 anos e sou de São Paulo. Formado em jornalismo e especialista em jornalismo esportivo sou apaixonado por futebol desde sempre.