Rubens Chiri/Saopaulofc.net

O São Paulo vem sofrendo com desfalques na disputa do NBB. O clube diagnosticou diversos atletas com Covid-19 e prontamente foram isolados do grupo. Com isso, o clube precisou chamar jogadores da categoria de base do clube – foram convocados Igor, Kauan e Enrico.

Por conta da pressão da disputa, os atletas podem ser considerados vencedores. Nos números, o jovem Igor se destacou, com 11 pontos e quatro rebotes – o jovem falou com emoção sobre a partida e a chance de defender a camisa do Tricolor.

“Fiquei arrepiado quando soube que teria uma chance de jogar”, destacou o jogador. “Lamento pelo fato dos meus companheiros terem pego Covid, mas acabou sendo uma ótima oportunidade de eu mostrar meu basquete”, comentou o jovem.

Ao todo, o time teve oito desfalques. Estiveram de fora os atletas: Marquinhos, Caboclo, Elinho, Shamell, Alex, Lupa e Vitinho. Além deles, esteve de fora também o treinador Bruno Mortari.

Por conta da pouca idade e a competitividade, o atleta confessou que não esperava a grande atuação que teve na vitória contra o Pato: “Eu imaginei que jogaria, no máximo, uns 10 minutos, faria uns dois pontos e ajudaria a equipe de alguma outra forma. Não esperava acontecer tudo isso”, revelou o jogador que no fim da partida esteve em quadra por quase 24 minutos.

O São Paulo terminou o primeiro turno do NBB na quarta posição. Com isso, a equipe garantiu a presença no Super 8 e vai enfrentar o Bauru (que finalizou a primeira etapa da competição na quinta posição). O duelo acontece no próximo domingo (16), às 20h, no Ginásio do Morumbi – provavelmente, apenas Elinho deve estar de volta, porém, ainda passará por exames para avaliação.

Siga o Arquibancada Tricolor em suas redes sociais e acompanhe o que de melhor acontece no São Paulo FC: 
Instagram
YouTube
Twitter
Canal no Telegram
Conheça a nossa Loja

Post anteriorJean é apresentado oficialmente no Cerro Porteño
Próximo PostSão Paulo busca acordo com o Athletico-PR para diminuir prejuízo com Pablo
Pedro Vinicius, 24 anos e sou de São Paulo. Formado em jornalismo e especialista em jornalismo esportivo sou apaixonado por futebol desde sempre.