Ex-jogadores dizem que Telê não era tático
Foto: Acervo / saopaulofc.net

O técnico Telê Santana é, de longe, o mais venerado da história do São Paulo Futebol Clube. Foi ele o responsável pelo comando técnico do período em que o Tricolor desbravou a América e o Mundo – e encantou com um futebol tão eficiente quanto vencedor. Pois que dois ex-atletas do clube, que trabalharam com ele à época, revelaram, em entrevistas distintas, uma característica interessante: Telê estava longe de ser um técnico que primava pela tática.

O ex-atacante Eliel, em entrevista ao podcast Extra Campo, afirmou categoricamente que Cilinho foi seu melhor técnico na vida, ao passo que Telê Santana, o melhor treinador. E ele explicou a diferença.

Treinador, foi Telê (o melhor). Mas técnico foi Cilinho. Existe uma grande diferença entre treinador e técnico; o primeiro é o cara que vai te dar moral: Telê, Luxemburgo, Felipão. Eles, tecnicamente, esquece. Telê nunca deu treino tático, afirmou Eliel.

Juninho Paulista, no podcast Denílson Show, deu declaração semelhante.

Não me lembro de Telê ser focado em tática. Ele era focado na individualidade dos atletas. Então, por exemplo, ele olhava, via o que o jogador poderia melhorar, via os defeitos e onde poderia potencializar a individualidade de cada um e trabalhava nisso. Comigo ele trabalhou muito no posicionamento e em soltar a bola um pouco mais rápido. Em Cafu, no cruzamento“, declarou o ex-meia.

Confira as entrevistas completas abaixo. Ou clique aqui e aqui.

Tudo sobre o Tricolor!

Siga o Arquibancada Tricolor em suas redes sociais e acompanhe tudo sobre o São Paulo FC:

Instagram | YouTube | Twitter | Canal no Telegram | Conheça a nossa Loja

Post anteriorParcial: São Paulo já vendeu 20 mil ingressos para jogo contra o Ceará
Próximo PostGoleiro do São Paulo tem atuação de destaque na série B
Matheus Tévez é formado em Direito pela UFBA, cursa Letras, além de ser professor, escritor e articulista. Mas a sua grande virtude é ser são-paulino doente desde os tempos em que Válber doutrinava na zaga.