Sem criatividade, São Paulo empata com América-MG no Morumbi
Foto: Rummens

O São Paulo entrou em campo nesta quarta-feira para enfrentar o América-MG com perspectivas de subir na tabela do Brasileirão. O Tricolor de Hernán Crespo tinha chances de chegar na 9ª posição, mas não conseguiu desempenhar um bom futebol, e empatou com a equipe mineira e segue na segunda parte a tabela do Brasileirão.

Além do péssimo futebol apresentado, o São Paulo passou perto de perder o duelo. O time comandado por Vagner Mancini fez um bom segundo tempo e dominou a partida. No fim do jogo, a equipe visitante terminou com 9 chutes contra o gol de Tiago Volpi.

O goleiro inclusive foi personagem mais uma vez do jogo. Apesar do momento instável, o goleiro ajudou a equipe e fez algumas defesas que mantiveram o gol da equipe zerado, porém, novamente ficou claro o momento de instabilidade e o jogador falhou em alguns momentos – Volpi inclusive bateu boca com Arboleda em um lance no segundo tempo.

Com pouca criatividade, o time de Crespo finalizou em apenas seis oportunidades e teve o meio de campo “engolido” pelos mineiros. O treinador optou por uma formação inicial com Luan, Gabriel Sara, Igor Gomes e Rodrigo Nestor, porém, sem chances de gol e domínio, o treinador decidiu pelas trocas de Sara por Liziero e de Gomes por Calleri.

Ainda assim, o time não conseguiu chegar ao gol e viu a oportunidade de subir na tabela ser desperdiçada – mais do que isso, o time “ajudou” o América-MG a sair do Z4 e agora a distância da equipe para o primeiro da zona é de apenas três pontos (o Juventude tem 23 pontos).

A equipe agora olha para a sequência do Brasileirão. O São Paulo disputa a última sequência da trinca no Morumbi contra o Atlético-MG. O duelo será no próximo sábado às 21h.

Tudo sobre o Tricolor!

Siga o Arquibancada Tricolor em suas redes sociais e acompanhe tudo sobre o São Paulo FC:

Instagram | YouTube | Twitter | Canal no Telegram | Conheça a nossa Loja

Post anteriorPaulinho Boia é afastado do Juventude
Próximo PostSão Paulo vence Paulistano e garante primeira colocação geral da competição
Pedro Vinicius, 24 anos e sou de São Paulo. Formado em jornalismo e especialista em jornalismo esportivo sou apaixonado por futebol desde sempre.