Welington volta ao time buscando reconquistar vaga de titular
Foto: Rubens Chiri / São Paulo FC

O jovem lateral-esquerdo Welington ganhou chances com o treinador Hernán Crespo. O jogador mostrou intensidade e qualidade ofensiva para convencer o argentino e venceu por alguns momentos a disputa e foi titular da equipe.

Com a queda do argentino, o jogador perdeu espaço e viu o lateral-esquerdo Reinaldo ganhar moral com o novo treinador Rogério Ceni. Nos últimos três jogos, o camisa 6 oi titular da equipe, contra Ceará, Corinthians e Red Bull Bragantino.

A diferença se mostra na minutagem de Welington com Ceni e com Crespo. Nos últimos quatro jogos do argentino, o canhoto da base foi titular (contra Atlético-MG, Chapecoense, Santos e Cuiabá). Com o Mito, o garoto atuou apenas no jogo contra o Ceará, sendo improvisado na lateral-direita.

Segundo Ceni, o jogador não foi a Bragança Paulista no último domingo por não ter treinado durante a semana. A informação foi inédita, já que ao longo da semana, o clube não informou a lesão de Welington.

Wellington ficou três dias dessa semana no DM. Se não me engano, uma pancada do jogo contra o Santos. Ontem que ele voltou a treinar. Como fiz a opção de jogar com dois zagueiros e ele ficou três dias sem treinar, preferi trazer o Léo que podia fazer essa função“, comentou o treinador após a derrota para o Bragantino.

O retorno de Welington deve retornar na partida de domingo contra o Internacional, porém, deve seguir figurando no banco de reservas. Reinaldo recuperou a confiança e parece ser o titular momentaneamente de Rogério Ceni.

No duelo contra o Corinthians, o camisa 6 deu a assistência para o gol de Jonathan Calleri e contabilizou a décima assistência na temporada.

Siga o Arquibancada Tricolor em suas redes sociais e acompanhe o que de melhor acontece no São Paulo FC
Instagram
YouTube
Twitter
Canal no Telegram
Conheça a nossa Loja

Post anteriorCicinho questiona persistência na escalação de Pablo
Próximo PostBasquete Tricolor luta mas acaba superado pelo Cerrado no NBB
Pedro Vinicius, 24 anos e sou de São Paulo. Formado em jornalismo e especialista em jornalismo esportivo sou apaixonado por futebol desde sempre.