São Paulo Legends. A emoção vai ser forte

A Coluna do Felipe é publicada às quintas-feiras pelo Felipe Morais e sempre trará detalhes sobre a rica história do Tricolor! Clique aqui e veja todas as edições da coluna.

Amigos tricolores

Zetti no gol.

Cicinho e Junior nas laterias

Lugano e Fabão na defesa

Mineiro, Josué, Cafú e Silas no meio

Muller e Careca no ataque.

Técnico: Muricy Ramalho

Quando que poderíamos pensar em um time como esse?

Juntar os Menudos, com o São Paulo de Telê e o Tri-Brasileiro de Muricy no mesmo campo?

Só uma coisa

Meu DEUS!! Que jogo será esse! Que time!






Sim, vai dar muita raiva depois de ver esses caras em campo, ver Raniel, Helinho, Leo Pelé, Jucilei, mas isso é um papo para outro artigo!

Isso sem contar com Denilson, Dagoberto, Aloísio Chulapa, Leandro, Falcão, Richarlysson e Jorge Wagner. Quase um time dos sonhos, claro, que seria demais ver outros craques como Raí, Leonardo, Cerezo, Alemão, Juninho Paulista e até mesmo Rogério Ceni em campo novamente defendendo o nosso tricolor, caras que foram vencedores e acima de tudo, honraram o manto tricolor. Telê, sem dúvida, ao lado de Cilinho e Leônidas, já pediu um camarote no céu para ver esse jogo.

O evento

Tem tudo para ser um grande sucesso. Não estou ganhando um centavo para falar dele, mas escrevo aqui por causa da emoção que já está causando, ao menos em mim, de poder rever com a camisa do São Paulo tantos caras que eu vi não apenas jogar, mas ganhar títulos com o manto. Como esquecer Leandro Guerreiro em cima das traves do Morumbi comemorando mais um Brasileiro? Ou Cicinho na câmera da Globo, no Japão, mostrando a medalha de campeão do mundo? Olha, só de escrever e lembrar, arrepia até a alma! Claro, não tem como esquecer do Muricy, com olhos cheios de lágrimas, batendo no braço após o 3o título nacional, conquistado de forma consecutiva. Ou não se emocionar ao lembrar de Zetti pegando aquele pênalti em 1992…esses caras tem tanta história no São Paulo, que daria um livro de cada um deles!

Legends Cup Brasil

Acontecerá no dia 15 de dezembro, no Morumbi. Os portões serão abertos às 12h. O torneio começa a partir das 14h, com formato inédito para eventos envolvendo ex-jogadores. Serão realizados jogos de dois tempos de 25 minutos em sistema mata-mata. Os perdedores vão para a disputa do terceiro lugar. Os vencedores se enfrentam valendo o título. Anfitrião do Legends Cup Brasil, o São Paulo enfrentará o Bayern de Munique em uma das semifinais. Barcelona e Borussia Dortmund fazem o outro confronto da fase inicial. Será que acabamos o ano com o título da Copinha e o do Legends?


Felipe Morais. Publicitário, apaixonado pelo São Paulo Futebol Clube. Sócio da FM Planejamento, Palestrante sobre marketing digital, comportamento de consumo e inovação. Autor dos livros Planejamento Estratégico Digital (Ed. Saraiva) e Ao Mestre com carinho, o São Paulo FC da era Telê (Ed Inova) – www.livrotele.com.br

*A opinião do colunista não reflete a opinião do site

Foto: Reprodução / Twitter do São Paulo

Comente com sua conta do Facebook: