Cicinho:
Foto: Reprodução / SBT

As polêmicas em torno da saída de Daniel Alves continuam. Desta vez, o ex-jogador Cicinho, ídolo do São Paulo, foi quem revelou uma situação vinda dos vestiários. Anteriormente, o agora comentarista esportivo já havia dito que as atitudes do lateral eram de jogador “juvenil”.

“Um cara de 38 anos, com a bagagem que tem, com uma história, colocar-se acima do clube, acima de uma instituição. Ele foi muito mal. Ainda mais pelo momento, que era de comemoração. Ele acabara de ganhar um título das Olimpíadas, com a ajuda do São Paulo, onde se recuperou de lesão. Se ele estava na Seleção, teria que agradecer ao São Paulo. Ninguém discute a história dele. É o maior vencedor de títulos. Mas, quando abre a boca, só sai asneiras”.

Nessa última segunda-feira, dia 21 de setembro, Cicinho voltou a falar sobre Dani Alves no programa ‘Arena SBT’. Além de criticar a atitude do jogador, revelou também situações dos bastidores do clube:

“Ele veio para ser um líder e não exerceu esse papel. E o elenco estava saturado com Daniel Alves. O comportamento e as declarações dele, colocando-se acima do clube, deixaram os jogadores chateados”, – arrematou.

Veja abaixo ou clicando aqui:

Tudo sobre o Tricolor!

Siga o Arquibancada Tricolor em suas redes sociais e acompanhe tudo sobre o São Paulo FC:

Instagram | YouTube | Twitter | Canal no Telegram | Conheça a nossa Loja

Post anteriorSão Paulo paga até hoje, 19 anos depois, pela contratação do meia Ricardinho
Próximo PostApós três meses sem jogar pelo São Paulo, Shaylon entra nos minutos finais
Matheus Tévez é formado em Direito pela UFBA, cursa Letras, além de ser professor, escritor e articulista. Mas a sua grande virtude é ser são-paulino doente desde os tempos em que Válber doutrinava na zaga.