Foto: Rummens

O técnico do São Paulo, Fernando Diniz, concedeu de sua casa uma entrevista à ESPN, onde falou sobre a paralisação das competições devido à pandemia do novo coronavírus e como tem sido a interação com os jogadores nesse novo período.

Publicidade

O treinador afirmou: “Eu estou procurando manter o contato com os jogadores por telefone. Não dá pra ser com a acessibilidade que a gente tem no dia a dia, mas sempre que possível a gente tá se falando. A parte tática, por mais que essas plataformas digitais te ajudam um pouco, pra mim ela tira o principal que é o contato humano, pra mim isso é muito difícil. Mas a gente tá se virando. O importante é que o time parou em um momento de bons resultados, mas que virem depois de muito trabalho. Então, acho que o time está em um patamar bom e a gente vai saber voltar de uma maneira positiva”.

Quando questionado sobre a evolução da equipe desde a sua chegada, Diniz afirmou que tem certeza da evolução do elenco desde o ano passado, mas principalmente nesse ano ao passar dos jogos.

“Os jogadores trabalham muito, são muito dedicados e convivem numa harmonia difícil de ver em time grande. A gente foi evoluindo conforme as partidas propiciavam entre uma partida e outra a gente treinar, mais as viagens que eram constantes. A equipe foi muito bem no ano passado dado as devidas circunstâncias. Se você relativizar dá para traçar um paralelo que a equipe foi muito bem no ano passado, fizemos jogos muito importantes que a equipe foi bem, principalmente nos momentos agudos. O comportamento do time na hora decisiva sempre foi muito positivo ano passado.”

Ele ainda disse: “A equipe voltou muito mais forte das férias, já tinha passado o peso de classificar direto para a Libertadores e aí equipe veio só evoluindo e começamos jogando muito bem o campeonato, praticamente todos os jogos a gente performou bem. O que a gente não teve foram os resultados em algumas partidas por erros diversos de arbitragem, a gente falhou em alguns de maneira demasiada nas finalizações, mas a equipe vinha mostrando evolução. E aí nos últimos momentos antes da parada os resultados acabaram aparecendo, o que eu acho confirmou e fez justiça ao que a equipe estava desempenhando principalmente nesse ano”.

Antes das paralisações, o Tricolor vinha de uma vitória na Libertadores para a LDU por 3×0, no Morumbi, no dia 11 de março, e de uma vitória de virada no clássico contra o Santos, também no Morumbi, no dia 15 de maio pelo Campeonato Paulista.

Fonte: ESPN
Foto: Rummens

Publicidade
Post anteriorQual o melhor goleiro do São Paulo no século XXI?
Próximo PostEu tenho vergonha dos jogadores brasileiros!
Vanessa Dias, 25 anos e sou de Araras, interior de São Paulo. Formada em Relações Públicas, especialista em Mídias Digitais e apaixonada por futebol desde que me conheço por gente. Sou parte do time desde o começo de 2018, onde trabalhamos todos os dias para que a torcida esteja sempre em conexão com o clube do coração.