Jogadores do São Paulo têm julgamento marcado por confusão em Choque-Rei

Foto: Rubens Chiri / São Paulo FC

Calleri, Rafinha e Wellington Rato passarão por julgamento do Tribunal de Justiça Desportiva por confusão após o Choque-Rei de domingo (03), visto que os atletas aparecem em vídeos em um momento de atrito direcionando xingamentos à arbitragem.

Os três atletas podem pegar até seis jogos de suspensão e, em caso de classificação do São Paulo às quartas do Paulistão, desfalcarão o time. Rafinha e Rato se recuperam de lesões e ainda não têm datas definidas para os retornos. Já o camisa 9 é titular absoluto da equipe de Carpini.

Também foram denunciados o presidente Julio Casares, o diretor de futebol Carlos Belmonte e o adjunto Fernando Bracalle Ambrogi, aos quais podem pegar punição que vai de 15 a 180 dias. Belmonte também foi denunciado por xingamentos ao técnico Abel Ferreira, com isso, pode ser suspenso por 15 a 90 dias, ou seja, a soma das duas penas se somadas é de 270 dias.

O julgamento está marcado para acontecer no dia 14 de março (quinta-feira), a partir das 18h.

Siga-nos no Instagram, no YouTube e no Twitter.

Compartilhe esta notícia
Comente!