O atacante, revelado pelo São Paulo, estava na equipe londrina desde a temporda 2011-2012, mas fez apenas três partidas oficiais pelo time principal dos Blues. Seu destino será o Braga, de Portugal.

Piazon jogava pelo Rio Ave, também de Portugal, lá ele disputou 35 partidas e marcou 6 gols. Ele acredita que a venda para uma equipe de um país que ele está adaptado, pode ajudar a sua carreira.

“Estou em Portugal há um ano e meio e não estou nem mudando de cidade, espero adaptar-me da melhor maneira possível, da maneira mais rápida e que tudo corra bem” afirmou ao site do clube.

No período em que esteve no clubes inglês, foram 7 empréstimos para times da Inglaterra, Itália, Espanha, Holanda e Portugal até a venda, em definitivo e sem custos, para o Braga, em um contrato de 4 anos com os portugueses.

Sobre o fechamento do negócio, Piazon declarou:

“A sensação é ótima. Passei a minha vida toda vinculada a um clube (Chelsea) e poder sair e assinar por um grande de Portugal é algo que me deixa muito feliz. O Braga é uma equipa que dá muita visibilidade aos jogadores ao fazer boas campanhas. Estar aqui pode ser muito importante na minha carreira”.

O São Paulo vendeu o jogador ao Chelsea, em 2011, por 7,5 milhões de Euros (R$ 17,4 milhões, na época). Além de atuar na base do Tricolor, o atleta também teve passagens pelas seleções de base do Brasil.

Confira os clubes por onde Piazon passou:

São Paulo 2011

Chelsea (ENG)2011/12

Málaga (ESP) 2013

Vitesse (HOL) 2013/14

Frankfurt (ALE) 2014/15

Reading (ENG) 2015/16

Fulham (ENG) 2016/17 e 2017/18

Chievo (ITA) 2019

Rio Ave (POR) 2019/20

Foto: SC Braga