Foto: Reprodução / SPFCtv

Aconteceu ontem (18) a primeira reunião do Conselho Deliberativo do São Paulo presidida por Olten Ayres de Abreu Jr, eleito no último dia 12 de dezembro, onde foi apresentado o orçamento do clube para 2021.

O documento traz uma projeção de que o Tricolor encerrará o ano de 2020 com uma dívida de aproximadamente R$ 578 milhões e, para que ela diminua, o Conselho prevê uma amortização de R$ 91 milhões no ano que vem, com a responsabilidade de vender R$ 176 milhões em jogadores.

O superávit previsto é de R$ 12,5 milhões e, devido a pandemia, o clube não colocou o valor que se adquiriria com bilheteria, visto que ainda não se sabe quando será possível ter público nos estádios por causa da pandemia.

No que se refere a investimentos, o orçamento propõe investir R$ 37 milhões que pode envolver formação de atletas e aquisição de direitos econômicos de novas contratações. Tais propostas deverão ser votadas pelos conselheiros pela aprovação ou não até nesta sexta-feira.

Com isso tudo, a previsão é de o São Paulo termine 2021 com R$ 486 milhões em dívidas.

O presidente do clube que assumirá o cargo no dia 1º de janeiro, Julio Casares, falou sobre o assunto:

“Orçamento proposto extremamente conservador, como deve ser feito. Temos como intenção melhorar os números não só de receita, mas também de diminuição de despesas. Quero deixar aqui a palavra de esperança, de um otimismo muito grande por um São Paulo melhor, por um São Paulo que passe a caminhar ao lado do sócio, como agora, com a transmissão da reunião do Conselho Deliberativo”.

A reunião foi transmitida ao vivo pela SPFCtv. Confira:

Foto: Reprodução / SPFCtv

Post anteriorMundial de Clubes 2005
Próximo PostO que faz o Conselho Deliberativo do SPFC?
Vanessa Dias, 25 anos e sou de Araras, interior de São Paulo. Formada em Relações Públicas, especialista em Mídias Digitais e apaixonada por futebol desde que me conheço por gente. Sou parte do time desde o começo de 2018, onde trabalhamos todos os dias para que a torcida esteja sempre em conexão com o clube do coração.