Foto: Richard Ducker/CA2019

A novela entre São Paulo e Soteldo parece ter chegado a um ponto crucial. No seu limite negocial, o Tricolor não irá avançar em sua proposta apresentada, mesmo diante das investidas por acréscimos do estafe do venezuelano e do seu clube, o Toronto FC. Diante desse cenário, é bem provável que a contratação, que se encontra paralisada, torne-se inviável.

Após muita especulação e um ponto proximal em que muitos jornalistas esportivos apostavam na vinda de Yeferson Soteldo ao São Paulo, as tratativas chegaram a um patamar de insustentabilidade. De um lado, o São Paulo não irá ceder aos anseios do clube canadense e dos representantes do jogador, que exigem um aumento nos valores; de outro, o Toronto e os agentes aguardam uma melhoria nas condições para fecharem o contrato. As informações são da Central do Mercado, do Globo Esporte.

O time do Morumbi ofereceu um empréstimo de um ano, com a opção de compra de 50% dos direitos econômicos do atleta fixados ao seu final. O impasse pela não aceitação acarretou na estabilização do negócio, apesar de oficialmente o clube ainda não ter desistido de contar com o jogador para a temporada de 2022. Apesar disso, a comissão técnica já estuda um plano B como alternativa em caso de frustração na investida.

Soteldo custou 6 milhões de dólares aos cofres do Toronto, que disputa a MLS. O venezuelano não correspondeu às expectativas e teria vontade de voltar ao Brasil. Com a chegada do italiano Lorenzo Insigne ao time canadense, a tendência é que a saída de Soteldo seja facilitada – desde que a negociação seja compensatória. Recentemente, o nome do jogador foi ventilado no Flamengo.

Post anteriorImprensa espanhola repercute contratação de Nikão
Próximo PostOsvaldo sonha em voltar para o São Paulo e abriria mão da parte financeira
Matheus Tévez é formado em Direito pela UFBA, cursa Letras, além de ser professor, escritor e articulista. Mas a sua grande virtude é ser são-paulino doente desde os tempos em que Válber doutrinava na zaga.